All for Joomla All for Webmasters

Eleições 2020

  • A três meses da eleição, 10 pré-candidatos postulam a vaga de prefeito em Ribeirão das Neves


    Faltando exatos três meses para a eleição, a corrida pelo posto de chefe do Executivo em Ribeirão das Neves tem 10 nomes que se lançaram como pré-candidatos. Com a aproximação das convenções partidárias para definir quem realmente vai para a disputa, a expectativa é que haja algumas composições entre os postulantes e o número diminua.

    Até o momento, já se colocaram à disposição para a disputa, em ordem alfabética: Carlos Eugênio (PSB), Coronel Bianchini (Avante), Deborah Rubiana (Solidariedade), Doutor Getúlio (PC do B), Joel Lucas (PSDB), Junynho Martins (DEM), Robinho de Neves (PMN), Toco Menezes (Patriotas), Vanderlei Delei (Republicanos) e Washington Modesto Filho (PRTB).

    Entre 31 de agosto a 16 de setembro, estará aberto o período destinado às convenções partidárias e à definição sobre coligações. O prazo para registro das candidaturas é 26 de setembro.

    Neste pleito, pela primeira vez, Ribeirão das Neves terá a possibilidade de segunto turno nas eleições. O município tem atualmente 214.845 eleitores cadastrados na Justiça Eleitoral. No último pleito municipal, em 2016, eram 196.133 habitantes aptos a votar.

    Veja abaixo um breve perfil dos pré-candidatos:

    Arte: RibeiraoDasNeves.net

    Carlos Eugênio (PSB)

    Vice diretor da E.E. José Bonifácio Nogueira, morador do Pedra Branca há 30 anos, atuou nas escolas do Maria da Glória, no Santinho, e Pedro de Alcântara Nogueira, no São Pedro, nos últimos 20 anos. Presidente da Liga das Escolas de Samba de Minas Gerais (LIAC), tem dito que gestão é feita com o servidor de carreira e com menor número de cargos comissionados possíveis.

    Coronel Bianchini (Avante)

    Ex-comandante-geral da Polícia Militar de Minas Gerais, professor de Direito e integrante do Movimento Renova BR, Coronel Bianchini é especialista em Segurança Pública. Morador do condomínio Nossa Fazenda, em Esmeraldas, bem próximo à região do Veneza, tenta emplacar o nome em Ribeirão das Neves após ter sido candidato a deputado federal em 2018.

    Deborah Rubiana (Solidariedade)

    Assessora do deputado Wendel Mesquita, Deborah tem formação em gestão pública e atualmente é presidente do Solidariedade em Ribeirão das Neves e vem tendo o nome colocado como postulante ao posto de pré-candidata pelo partido com o lema de fazer uma "política do bem".

    Dr. Getúlio (PC do B)

    Depois de ter disputado três eleições para prefeito no início dos anos 2000, o médico está de volta ao município e pretende ser o representante do campo progressista na corrida pela Prefeitura no ano que vem. Já anunciou uma composição com o PT para a indicação do vice, que deve ser o advogado Rogério Alves.

    Joel Lucas (PSDB)

    Figura muito ligada ao ex-governador Aécio Neves, Joel fomenta há muito tempo o sonho de ser candidato a prefeito em Ribeirão das Neves e tenta buscar a unidade no ninho tucano para tentar viabilizar uma candidatura. Nos bastidores, comenta-se que o partido pretende investir bastante no município neste pleito.

    Junynho Martins (DEM)

    Atual prefeito, Junynho Martins trocou o PSC pelo DEM para colocar o trabalho que vem desenvolvendo na cidade à prova nas urnas. Junynho tem apostado alto no programa Asfalto Novo e nas entregas de reta final de mandato, além da fragmentação da oposição, para ser reconduzido a mais um mandato. Por outro lado, terá que lidar com a rejeição acumulada com várias denúncias de improbidade administrativa.

    Robinho de Neves (PMN)

    Na esteira da onda conservadora que marcou a eleição presidencial, o policial militar e futuro bacharel em Direito tenta se viabilizar como candidato na mesma linha de atuação do presidente Jair Bolsonaro, defendendo inclusive a instalação de uma escola cívico-militar em Ribeirão das Neves.

    Toco Menezes (Patriotas)

    Depois de hesitar por várias vezes em se lançar candidato, o empresário do ramo de bares e restaurantes articula junto a possíveis apoiadores da região de Justinópolis uma candidatura ao Executivo nevense.

    Vanderlei Delei (Republicanos)

    Depois de participar do grupo que elegeu o atual prefeito, o vereador de terceiro mandato fincou bandeira como oposição a Junynho Martins. Conta com apoio de um grande grupo político e de lideranças evangélicas.

    Washington Modesto (PRTB)

    Filho do ex-prefeito Washington Modesto, é policial militar e tem articulado junto a empresários nevenses a construção de uma candidatura em oposição ao atual chefe do Executivo. Conta com apoio de boa parte da bancada da segurança pública.

    Readmore
  • Cabo Robinho de Neves é indicado pelo PSL para concorrer ao cargo de prefeito


    A convenção do Partido da Mobilização Nacional (PSL), realizada em conjunto com PMN e PTC, confirmou o nome de Robinho de Neves, cabo da Polícia Militar, como candidato à Prefeitura de Ribeirão das Neves nas Eleições 2020.

    Admirador do presdidente Jair Bolsonaro, Robinho tem utilizado as redes sociais pregando um projeto de renovação, sempre amparado em valores ligados a Deus, à pátria e à família.

    O candidato a vice-prefeito na chapa escolhido foi o professor Adilson Puma (PMN), que já foi candidato a vice-prefeito pelo então PRB em 2012 na chapa com o ex-vereador Marquinhos. 

    Errata

    Chegamos a informar que o pré-candidato Robinho de Neves teria sido indicado pelo PMN, quando, na verdade, ele é filiado ao PSL. Pelo erro, pedimos nossas sinceras desculpas.

    Readmore
  • Câmara Municipal terá apenas 5 caras novas a partir de 2021; veja o raio-x dos vereadores eleitos


    Após uma votação que resultou na renovação de mais de 40% dos nomes que formarão a Câmara Municipal, o RibeiraoDasNeves.net realizou um levantamento das características da nova composição das 14 cadeiras do legislativo no próximo mandato. Nove cadeiras serão ocupadas por veteranos, sendo oito reeleitos (Léo de Areias, Marcelo de Jesus, Mazinho da Quadra, Messias Veríssimo, Pastor Dario, Pastor Edson, Ramon do Girico e Weberson Diretor) e um que retorna à Casa após período sem mandato (Prof. Valter Bento), enquanto cinco cadeiras receberão caras novas a partir da próxima legislatura (Celso Araújo, Claudinho de Neves, Diney Duarte, Renato Diretor e Samuel do Escolar).

    No que se refere à questão política, oito dos eleitos compõem partidos da base do prefeito reeleito Junynho Martins (DEM), cuja coligação engloba PL / PP / PMB / PSC / CIDADANIA / DEM / MDB / PSD, sendo eles: Diney Duarte, Léo de Areias, Marcelo de Jesus, Mazinho da Quadra, Pastor Dario, Pastor Edson, Samuel do Escolar e Weberson Diretor. A coligação majoritária de Delei (Republicanos), formada por PODE / REPUBLICANOS / PATRIOTA / PDT / PROS, elegeu quatro vereadores, sendo eles: Celso Araújo, Prof. Valter Bento, Ramon do Girico e Renato Diretor. Além deles, dois outros vereadores eleitos faziam parte de outras chapas majoritárias: Claudinho de Neves (Solidariedade), partido de Deborah Rubiana; e Messias Veríssimo (PT), cujo partido apoiava a candidatura de Dr. Getúlio (PC do B).

    Em relação à região de atuação dos novos vereadores, 4 deles têm origem no Centro (Celso, Claudinho, Diney e Messias), 6 no distrito de Justinópolis (Léo, Marcelo, Edson, Ramon, Renato e Samuel), e 4 na região do Veneza (Mazinho, Dario, Valter e Weberson).

    Apenas quatro dos eleitos são nascidos em Ribeirão das Neves: Diney, Marcelo, Mazinho e Renato. Cinco deles nasceram na capital Belo Horizonte: Léo, Messias, Ramon, Samuel e Weberson. Outros quatro são nascidos no interior de Minas: Claudio, em São Sebastião do Rio Preto; Dario, em Martinho Campos; Edson, em Mantena; e Valter Bento, em Mendes Pimentel. Apenas um é de fora do estado: Celso Araujo, natural do Rio de JaneiroRJ.

    A média idade da nova composição da Câmara é de 44 anos,s endo que o mais velho é Celso Araujo e o mais novo é Messias Veríssimo. Sobre a raça, 10 se declaram pardos, 3 brancos e 1 preto. Em relação à escolaridade, 7 têm curso superior completo e 1 incompleto, 4 possuem ensino médio e 2 médio incompleto.

    A grande mudança em relação ao quadro de vereadores atual é a ausência de mulheres. Como Neuza do Depósito não se reelegeu e nenhuma outra candidata conseguiu êxito nas urnas, a Câmara não terá representantes do sexo feminino a partir do ano que vem.

    Readmore
  • Candidatos à Prefeitura de Ribeirão das Neves declaram R$ 2,7 milhões de patrimônio


    Os nove candidatos à Prefeitura de Ribeirão das Neves declararam à Justiça Eleitoral um patrimônio de R$ 2.733.451,73, de acordo com informações disponíveis no aplicativo de Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O valor médio por candidato é de aproximadamente R$ 300 mil.

    O candidato com a lista de bens mais valiosa é Delei (Republicanos), que declarou itens - entre veículo, casa, prédio comercial - que somam R$ R$ 719.000,00. Na última eleição, em 2016, quando concorreu para vereador, o candidato havia declarado bens de R$ 250 mil, uma valorização de 180% em seus bens.

    Em segundo lugar aparece o atual prefeito Junynho Martins (DEM), com patrimônio declarado de R$ 694.645,93, distribuídos entre motocicleta, lote, depósito, previdência e investimentos. Em 2016, o então candidato havia declarado patrimônio de R$ 899 mil, ou seja, teve uma redução de 23% no patrimônio declarado à Justiça Eleitoral.

    Em terceiro lugar na "corrida patrimonial" aparece Dr. Getúlio (PCdoB), com R$ 650.144,80 em bens declarados, divididos entre apartamento, casa, sala comercial, depósito, veículo e participação societária. Em seguida, Coronel Bianchini (Avante), declarou valores em conta poupança e um veículo que totalizam R$ 378.661,00, e Deborah Rubiana (Solidariedade), que listou uma casa e um veículo avaliados em R$ 229.000,00.

    Washington Modesto Filho (PTB) e Robinho de Neves (PSL) declararam veículos no valor de R$ 35 mil e R$ 27 mil, respectivamente. Já Joel Lucas (PSDB) e Prof. Carlos Eugênio (PSB) não declararam patrimônio.

     

    Fonte: TSE

     

    Vice

    Entre os candidatos a vice, quem declarou maior patrimônio foi Toco Menezes, vice de Delei, cuja posse de veículo, casa, terreno, prédio comercial e participação societária somam R$ 593,5 mil, enquanto três candidatos a vice nada declararam.

     

    Fonte: TSE

     

    Readmore
  • Candidatos à prefeitura de Ribeirão das Neves poderão gastar quase R$ 2 milhões na campanha


    O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou, nesta quarta-feira, os limites de gastos que os candidatos aos cargos de prefeito e vereador deverão respeitar, em suas respectivas campanhas, para concorrer nas Eleições Municipais de 2020, atendendo ao que determina a Lei das Eleições (Lei nº 9.504/1997).

    Em Ribeirão das Neves, o limite para candidatos a prefeito é de R$ 1.958.670,56 no primeiro turno e de R$ 783.468,22 no segundo. Os aspirantes a uma cadeira na Câmara Municipal poderão gastar até R$ 51.348,76. Veja a tabela divulgada pela Justiça Eleitoral:

    Tabela com os limites de gastos por município

    Segundo a legislação, o limite de gastos das campanhas dos candidatos a prefeito e a vereador, no respectivo município, deve equivaler ao limite para os respectivos cargos nas Eleições de 2016, atualizado pela inflação do período. No último pleito, em 2016, os limites foram de R$ 1.719.348,06 para o executivo e R$ 45.074,65 para o legislativo. Para as eleições deste ano, a atualização dos limites máximos de gastos atingiu 13,9%, que corresponde ao IPCA acumulado de junho de 2016 a junho de 2020.

    Quem desrespeitar os limites de gastos fixados para cada campanha pagará multa no valor equivalente a 100% da quantia que ultrapassar o teto fixado, sem prejuízo da apuração da prática de eventual abuso do poder econômico. Nas campanhas para segundo turno das eleições para prefeito, onde houver, o limite de gastos de cada candidato será de 40% do previsto no primeiro turno.

     

    Readmore
  • Com a cúpula do diretório estadual, Republicanos oficializa candidatura de Vanderlei Delei à prefeitura


    O partido Republicanos reuniu a cúpula do diretório estadual nessa quarta-feira (9), em Justinópolis, para confirmar o nome do vereador Vanderlei Delei na disputa pelo cargo de prefeito de Ribeirão das Neves nas Eleições 2020. Participaram do evento o deputado federal Gilberto Abramo, presidente estadual da legenda, os deputados estaduais Carlos Henrique e Mauro Tramonte, e o filho do senador Carlos Viana (PSD), Samuel Viana, que também declarou apoio à candidatura de Delei.

    A coligação para disputar a chefia do Executivo nevense, que será registrada como "Nossa gente merece respeito", é composta pelo Patriota, que indicou o comerciante Toco Menezes, até então pré-candidato à cabeça de chapa, como vice de Delei, além de PDT, Podemos e PROS.

    Os deputados presentes exaltaram o nome de Delei e prometeram atenção a Ribeirão das Neves. Em seu discurso, Carlos Henrique tentou passar o sentimento de confiança no "time". Nossa tranquilidade, que nos traz muita confiança, é saber que esse conjunto de deputados comprometidos com a causa das pessoas mais necessitadas", destacou. Já Mauro Tramonte, deputado mais votado na cidade no pleito de 2018, destacou que há anos cobre melhorias para Ribeirão das Neves. "A gente vê tanta administração passar, e Neves continua no sofrimento", declarou.

    Em seu discurso, Vanderlei Delei agradeceu o apoio dos deputados da sigla e afirmou que tem a segurança da direção partidária para conduzir o projeto. "Enquanto muitas pessoas tentaram, de todas as formas, que esse partido não ficasse conosco, nós ouvimos o tempo todo do deputado (Gilberto Abramo) que poderíamos ter a tranquilidade de conduzir esse caminho", enalteceu. "Nós entendemos que nossa união é pela vitória de Ribeirão das Neves. Essa vitória não será só minha, será de todos nós que acreditamos neste projeto", finalizou.

    Eleições 2020

    Os partidos políticos tem até 16 de setembro para realizar as convenções partidárias e fazer a definição sobre coligações. As eleições estão marcadas para 15 de novembro em 1º turno e, caso necessário, 29 de novembro em 2º turno.

    Readmore
  • Com chapa 'puro-sangue', PSB aprova candidatura do professor Carlos Eugênio à prefeitura


    O professor e vice-diretor escolar Carlos Eugênio Demétrio será o candidato do PSB na corrida pela Prefeitura de Ribeirão das Neves nas Eleições 2020. A definição ocorreu nesta terça-feira (15), em convenção pela internet, que indicou a enfermeira Aline Veras para compor a chapa "puro-sangue".

    Além da educação, onde atualmente é vice-diretor licenciado na E. E. José Bonifácio Nogueira, no bairro São Pedro, Carlos Eugênio possui atuação no setor cultural, com experiência no carnaval belo-horizontino. Já Aline, que é moradora do bairro Rosaneves, foi vice-presidente do Conselho Municipal de Saúde de Ribeirão das Neves.

    Após a primeira pesquisa eleitoral, o PSB chegou a ser sondado por outros nomes para ser candidatos, porém a ideia inicial de uma candidatura própria foi ratificada na convenção partidária. No evento, Carlos Eugêno agradeceu o apoio do partido e da chapa de vereadores. "Agora vamos para o pleito com ideias que acrescente coisas boas para Ribeirão das Neves, onde a gente tenha condições de discutir a cidade e deixar um legado. Um projeto claro, para trazer benefícios de uma política verdadeira", afirmou.

    Já Aline afirmou que vê na política a maneira de transformar a cidade. "Me filiei ao partido por acreditar que só o processo político poderia mudar nossa realidade", resumiu.

     

    Readmore
  • Convenção do Democratas oficializa condução de Junynho Martins como candidato à reeleição


    Com o mantra de "Ribeirão das Neves no caminho do crescimento", o Democratas (DEM) realizou, nesta terça-feira (15), a convenção que confirmou o nome do prefeito Junynho Martins como candidato à reeleição. Na cerimônia, o vice-prefeito Vitório Junior (PSD) também foi indicado a repetir a dobradinha nas urnas.

    Eleito em 2016 pelo PSC, Junynho mudou de sigla visando justamente a reeleição, em um partido maior e com mais estrutura. Neste ano, o professor de carreira colocará à prova nas urnas os quatros anos de gestão contra uma oposição fragmentada, com possibilidade de até oito candidaturas. A chance de 2º turno, no entanto, deixa o quadro bem indefinido.

    Em relação ao cargo de vice-prefeito, circulou nas últimas semanas a informação de que uma ala do PSD gostaria de caminhar com outro candidato ao Executivo nevense. Porém, ao que parece, a situação foi contornada pelo grupo de Vitório Junior dentro da legenda.

    Logo após a convenção, circulou nas redes sociais um vídeo do senador Rodrigo Pacheco (DEM) celebrando o ingresso de Junynho no partido, antigo PFL. "Uma cidade que tem muitos problemas ainda, que precisam que ser resolvidos, mas que houve um grande avanço nos últimos quatro anos", disse o senador.

    Errata

    Chegamos a informar que a convenção do partido Democratas havia acontecido no último sábado, quando, na verdade, a reunião ocorreu na terça-feira. Pelo erro, pedimos nossas sinceras desculpas.

     

    Readmore
  • Coronel Bianchini é confirmado pelo Avante como candidato à Prefeitura de Ribeirão das Neves


    O coronel Bianchini, ex-comandate-geral da Polícia Militar de Minas Geral, foi confirmado, nessa quarta-feira (16), como candidato a Prefeitura de Ribeirão das Neves pelo partido Avante. O candidato a vice será Neiro Lopes, do PRTB, partido do vice-presidente da república, general Hamilton Mourão. Ambos os partidos formarão a coligação "Liderença forte, coragem pra mudar".

    O militar da reserva afirmou que o objetivo do Avante é, além de disputar a prefeitura, eleger representantes no legislativo. "Destaco a união do grupo, formado por pessoas sem vaidade, com o objetivo de eleger o número máximo de vereadores e um prefeito que possa mudar a história da cidade", resumiu.

    Bianchini também avaliou que a eleição desse ano será desafiadora para todos os candidatos em função da pandemia do coronavírus. "A campanha vai ser atípica, em que as redes sociais será muito importante. Apesar disso, Neves tem uma característica do voto corpo a corpo que faz muita diferença", ponderou.

     

    Readmore
  • Doações aos candidatos à Prefeitura de Ribeirão das Neves somam mais de R$ 1,4 milhão; veja lista


    Os candidatos que disputam as eleições de 2020 tivera que apresentar, até domingo (25), a prestação de contas parcial de campanha. Até o momento, os 9 concorrentes à Prefeitura de Ribeirão das Neves já levantaram R$ 1,4 milhão. A arrecadação, porém, é bastante desigual.

    Os que mais arrecadaram foram Delei (Republicanos) e Junynho Martins (DEM). Delei já conseguiu apurar R$ 600 mil com a Direção Nacional do Patriota, partido do candidato a vice na chapa, Toco Menezes. Já o atual prefeito declarou doações de R$ 541 mil, sendo a maior parte da Direção Nacional de seu próprio partido, R$ 200 mil, e doação de diveros apoiadores, incluindo R$ 102 mil do próprio bolso.

    Em seguida, na faixa de 100 mil reais, aparecem dois candidatos: Coronel Bianchini (Avante), que angariou R$ 124 mil, e Dr. Getúlio (PC do B), que recebeu R$ 102 mil, ambos da Direção Nacional dos respectivos partidos.

    Com recebidos bem mais modestos na lista, estão Robinho de Neves (PSL), que recebeu R$ 35 mil da Direção Estadual (PSL) e Direção Nacional (PTC), e Deborah Rubiana (Solidariedade), que levantou R$ 30 mil da Direção Estadual do partido. Joel Lucas (PSDB), Prof. Carlos Eugênio (PSB) e Washington Modesto Filho (PTB) ainda não declararam receitas de campanha. Veja a relação:

    Fonte: TSE

    De acordo com a Justiça Eleitoral, deveriam ser discriminados nesta primeira declaração todos os recursos arrecadados e despesas, desde o início da campanha até o dia 20 de outubro, incluindo as transferências do Fundo Partidário. Outro aspecto importante no processo de prestação de contas é a presença obrigatória do profissional habilitado em contabilidade desde o início da campanha e a constituição de advogado.

    Transparência

    Toda a documentação entregue à Justiça Eleitoral por partidos e candidatos é disponibilizada na íntegra no Portal do TSE para consulta pública. A medida permite que candidatos, partidos, profissionais da imprensa, órgãos de fiscalização do Estado e qualquer cidadão tenham acesso aos documentos comprobatórios das prestações de contas dos candidatos e das legendas nas eleições deste ano. Para consultar, acesse o DivulgaCandContas.

    Readmore
  • Eleitor deve ficar atento às orientações de segurança sanitária para votar no cenário de pandemia


    Está chegando a hora de os mais de 200 mil eleitores nevenses irem às urnas para escolher prefeito e vereadores neste domingo (15). Para as eleições deste ano, que acontecem em meio à pandemia de covid-19, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) elaborou um Plano de Segurança Sanitária, visando minimizar os riscos de contaminação pela covid-19 e garantir a segurança de todos os eleitores, mesários e demais envolvidos no processo eleitoral.

    Confira abaixo as principais recomendações.

    • O horário de votação foi ampliado e será das 7h às 17h, sendo que o período das 7h às 10h é preferencial para eleitores a partir dos 60 anos.
    • A identificação biométrica não será utilizada nestas eleições.
    • O uso de máscaras nos locais de votação é obrigatório e ninguém entrará sem máscara nas seções eleitorais. Por isso, a Justiça Eleitoral pede que todos os eleitores já saiam de casa com a proteção.
    • Todos devem respeitar a distância mínima de 1m para as pessoas ao redor e evitar contato físico com outras pessoas.
    • Se possível, o eleitor deve ir votar sozinho, sem levar crianças ou outros acompanhantes.
    • Não deixar para votar na última hora.
    • Levar a própria caneta, de tinta azul ou preta, para assinar o caderno de votação.
    • Higienizar as mãos com álcool em gel antes e depois de votar.
    • Permanecer no local de votação apenas o tempo suficiente para votar.
    • Se tiver febre no dia da votação ou se teve diagnóstico de covid-19 nos 14 dias antes da eleição, o eleitor e o mesário não devem sair de casa.

    Outras orientações

    A Justiça Eleitoral recomenda que os eleitores consultem com antecedência o seu local de votação, para evitar deslocamentos desnecessários. A consulta pode ser feita no aplicativo e-Título, pelo Disque-Eleitor (telefone 148) ou no site do TRE.

    Todo eleitor deve levar um documento com foto para apresentar ao mesário quando entrar na seção eleitoral. São aceitos carteira de identidade, carteira de motorista, passaporte, carteira de trabalho e carteiras de entidades profissionais reconhecidas por lei, como OAB e Conselho Regional de Medicina.

    Quem já fez o recadastramento biométrico tem a foto no e-Título e pode usar o aplicativo como documento de identificação. Mas, atenção: o eleitor não pode usar o celular na cabine de votação.

    O eleitor que não puder ir votar deverá justificar sua ausência às urnas. Quem estiver fora do seu domicílio eleitoral pode fazer a justificativa no próprio dia, pelo aplicativo e-Título ou indo a uma seção eleitoral da cidade onde estiver. Quem não puder votar por outros motivos terá 60 dias para fazer a justificativa, pelo app e-Título ou pelo Sistema Justifica. Nesse caso, deverá apresentar um documento que justifique a ausência, como um atestado médico. Se o eleitor não tiver um documento que comprove o motivo da ausência ele deverá escrever o motivo no requerimento, e o juiz eleitoral vai analisar.

    Readmore
  • Em convenção, PSDB indica nome de Joel Lucas como candidato à prefeitura de Ribeirão das Neves


    Nesse 7 de setembro, dia da Independência do Brasil, o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) confirmou a candidatura de Joel Lucas à Prefeitura de Ribeirão das Neves, formando uma chapa "puro-sangue" com o radialista Ronaldo Sena, o "Marreta".

    Pelas redes sociais, Joel celebrou a decisão interna do tucanato nevense. "Esperamos traçar mais uma linha de vitória na história da nossa cidade e fazer com que tenhamos uma Riberão das Neves mais justa e digna pra as pessoas".

    O tucano prometeu, caso seja eleito, transformar a realidade do município. "Nós vamos fazer a transformação que a cidade precisa. Nós vamos fazer dessa cidade um lugar digno para morar", disse. Joel também fez promessas de uma série de intervenções que considera prioritária na cidade. "Vamos criar um parque de exposições, fazer a UPA do Veneza, tirar a maternidade do Hospital São Judas Tadeu e levar para um local mais adequado", ponderou.

    Indicado a vice, Ronaldo Sena avalizou o nome de Joel Lucas e considerou que o partido tem condições de levar o Executivo e eleger representantes na Câmara Municipal. "Com toda a certeza, nós temos condições de fazer no mínimo dois vereadores e ganhar a prefeitura. Joel Lucas é o melhor nome para a mudança nessa cidade", disse o Marreta.

    Eleições 2020

    Os partidos políticos tem até 16 de setembro para realizar as convenções partidárias e fazer a definição sobre coligações. Até o momento, Vanderlei Delei (Republicanos) já fechou acordo com Toco Menezes (Patriotas) para formação de uma chapa como prefeito e vice, respectivamente. 

    Readmore
  • Em discurso na Câmara, Delei agradece votação e mantém discurso de oposição à atual gestão


    O vereador Delei (Republicanos) escalou a tribuna da Câmara Municipal ness terça-feira (17) e fez um pronunciamento acerca das eleições 2020, onde ficou em segundo lugar com 26,41% (35.398 votos), atrás do prefeito Junynho Martins, que apurou 54,23% dos votos (72.679 votos).

    Delei se disse honrado pelos votos recebidos e o apoio de várias lideranças, porém lamentou a ausência de grande parte do eleitorado. O candidato não poupou críticas ao atual governo, que, segundo ele, excedeu no uso da máquina pública durante a campanha, falou em obras eleitoreiras, debaixo de chuva às vésperas das eleições e bateu forte nos ataques sofridos pelo "submundo da internet".

    "Diante de tantos desvios de condutas levado a efeito nos últimos anos pelo nosso adversário, muitos preferiram cobrir os olhos com a venda da escuridão para a manutenção do poder e de seus empregos", criticou. "A minha responsabilidade aumentou muito mais, o voto de mais de 35 mil pessoas será honrado eternamente por mim", reforçou.

    Delei disse ainda que, após o término de seu mandato de vereador em 31 de dezembro, vai continuar nas bases e dialogando com a população.

    Readmore
  • Instituto DataDados em Ribeirão das Neves: Junynho tem 35,8%; Delei 21,6%; e Dr. Getúlio 14,4%


    O DataDados Pesquisas divulgou, nesta sexta-feira (2), pesquisa de intenção de votos para prefeito em Ribeirão das Neves. De acordo com o instituto, o prefeito Junynho Martins (DEM) tem 35,8% das intenções de voto na pesquisa estimulada, seguido pelo vereador Delei (Republicanos), com 21,6%, e pelo médico Dr. Getúlio (PC do B), com 14,4%.

    Abaixo dos 10% de intenção de votos estão listados o policial militar Washington Modesto Filho (PTB), com 9,7%, e o militar da reserva Coronel Bianchini (Avante), com 6,5%. Chama atenção na pesquisa que os candidatos Deborah Rubiana (Solidariedade), Joel Lucas (PSDB), Prof. Carlos Eugênio (PSB).e Robinho de Neves (PSL) não tenham sido citados.

    Veja os números:

    Pesquisa Data Dados

    Avaliação da gestão 

    Na pesquisa foi perguntado à população sobre a avaliação de Junynho, quando 45,7% disseram que desaprovam a gestão e 40,2% disseram aprová-la. Ao todo, 14,1% não souberam opinar sobre esse ponto.

    A pesquisa

    O levantamento do instituto Data Dados foi feito entre os dias 31 de agosto e 5 de setembro, ou seja, há um mês, quando foram entrevistados 803 eleitores nevenses das três regiões do município. A pesquisa está registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob o número MG-08143/2020.

    Readmore
  • Junynho Martins é reeleito prefeito de Ribeirão das Neves no 1º turno com 54% dos votos


    O prefeito Junynho Martins (DEM) foi reeleito prefeito de Ribeirão das Neves neste domingo (15), no 1º turno, de acordo com números publicados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Com 100% das urnas apuradas às 23h19, ele teve 72.679 mil votos, o equivalente a 54,23% dos votos válidos.

    Junto com o candidato a vice-prefeito Vitório Junior (PSD), eles fazem parte da coligação "No Caminho do Crescimento", formada pelos partidos PL, PP, PMB, PSC, CIDADANIA, DEM, MDB e PSD.

    O vereador Delei (Republicanos) teve 35.395 dos votos (26,41%) e ficou em segundo lugar. Em terceiro, Washington Modesto Filho (PTB) obteve 8.512 votos (6,35%). Veja o quadro de votação:

    Fonte: TSE

    A eleição em Ribeirão das Neves teve 134.015 voto válidos, além de 22,79% de abstenção, 7,83% votos brancos e 11,38% votos nulos. 

    Quem é Junynho Martins

    Moacir Martins da Costa Júnior, o Junynho Martins, nasceu em 4 de maio de 1976 em Ribeirão das Neves. Professor de história e gestor público, ele ficou conhecido por promover eventos na cidade e posteriormente por ser executivo da Câmara de Dirigentes Logistas (CDL). Após um primeiro mandato conturbado, alternando importantes entregas e acumulando várias denúncias junto ao Ministério Público, Junynho assumirá o novo mandato 2021/2024.

    Na política, Junynho elegeu-se vereador em sua segunda tentativa, em 2008, e chegou a ocupar a presidência durante a legislatura. Em 2012, compôs como vice a chapa de Gláucia Brandão (PSDB) que tentou, sem sucesso, chegar ao comando do executivo. Em 2014, candidatou-se a deputado estadual e ficou na suplência do partido.

    Desde a primeira parcial da apuração dos votos, feita às 22h10, Junynho liderou a disputa partindo com mais de 50% dos votos. O prefeito eleito será diplomado até o fim do ano para um novo mandato, que começa em 1º de janeiro de 2021.

    Readmore
  • Junynho Martins lidera disputa pela Prefeitura de Ribeirão das Neves, mostra pesquisa


    O prefeito Junynho Martins (DEM) lidera a corrida eleitoral em Ribeirão das Neves, segundo pesquisa do F5 Atualiza Dados, encomendada pela TV Alterosa e divulgada pelo Estado de Minas nessa quarta-feira (19). De acordo com o instituto, o chefe do Executivo nevense tem 38,24% das intenções de voto no cenário estimulado, quando os candidatos são apresentados aos eleitores.

    O segundo colocado é o vereador Vanderlei Delei (Republicanos), com 9,97%. Na terceira posição está o militar Washington Modesto Filho, com 2,94%. A quarta posição é ocupada pelo médico Doutor Getúlio (PCdoB), que soma 2,3% das intenções. Em seguinda, empatados com 1,28%, estão Coronel Bianchini (Avante) e Carlos Eugênio (PSB), seguidos por Toco Menezes (Patriotas), com 1,02%. Débora Rubiana (Solidariedade) não atingiu um ponto percentual. Joel Lucas (PSDB) e cabo Robinho de Neves (PMN) não foram listados na pesquisa pelo F5.

    Chama atenção, ainda, que mais de 40% dos eleitores não apontaram um candidato, sendo brancos e nulos 21,36% e indecisos 20,84%.

    Pesquisa F5 Atualiza Dados

    Os participantes da pesquisa foram apresentados, também, à cena espontânea, em que não são citados nomes de possíveis concorrentes. Nela, Junynho Martins é mencionado por 20,08% dos ouvidos. Atrás dele, está Vanderlei Delei, com 2,43% das citações. Segundo o instituto F5, os demais nomes mencionados não alcançaram um ponto percentual na pesquisa espontânea.

    O alto índice de indecisão é maior na pesquisa espontânea: 59,72%. Há, ainda, 15,47% de brancos e nulos.

    Avaliação do governo

    De acordo com o F5, cerca de 44% dos entrevistados consideram a gestão de Junynho ótima (8,18%) ou boa (35,93%). No entanto, a reportagem do Estado de Minas não mencionou o que os outros 56% dos entrevistados acham do governo atual. O RibeiraoDasNeves.net tentou contato com o F5 para levantar os números completos, mas não obteve sucesso. 

    A pesquisa

    O levantamento do instituto F5, feito entre os dias 17 e 18 deste mês, quando foram entrevistados 782 eleitores nevenses, está registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob o número MG-09252/2020.

    Readmore
  • Justiça Eleitoral ordena suspensão de conteúdo patrocinado do prefeito Junynho Martins na internet


    A Justiça Eleitoral determinou, em decisão proferida na última semana, que o prefeito Junynho Martins (DEM) e a Prefeitura de Ribeirão das Neves suspendam as propagandas patrocinadas do site do município e da página pessoal do chefe do Executivo nevense nas redes sociais.

    De acordo com o juiz eleitoral David Pinter Cardoso, o ato configura indevida promoção pessoal e propaganda eleitoral antecipada. "São proibidas aos agentes públicos, servidores ou não, condutas que afetem a igualdade de oportunidades entre candidatos nos pleitos eleitorais", disse o magistrado, citando a Lei 9l.504, de 1997, em seu despacho.

    Ainda segundo o magistrado, como se trata de denúncia de abuso de poder econômico, abuso de autoridade e utilização indevida dos meios de comunicação social, a ação ainda será julgada posteriormente.

    O pedido foi formulado pela direção do partido Republicanos no município. A legenda abriga atualmente o vereador Vanderlei Delei, pré-candidato a Prefeitura de Ribeirão das Neves.

    Em nota, a assessoria de comunicação da Prefeitura informou que o prefeito Junynho Martins já tomou conhecimento da ação, mas entende que o pedido não tem fundamento. "A Justiça Eleitoral já constatou que isso não ocorreu, porque não houve pedido explícito de votos. Embora a Justiça Eleitoral tenha determinado a suspensão da veiculação da publicidade institucional, o Prefeito já havia se antecipado e determinado a suspensão de todo o conteúdo publicitário do Município, cumprindo espontaneamente a exigência da Lei das Eleições", diz a nota.

    Conforme a nota, "o prefeito, através de sua assessoria jurídica particular, ainda apresentará defesa, razão pela qual não se pronunciará sobre o caso, a não ser nos autos de processo".

    Readmore
  • Maioria do eleitorado nevense é do sexo feminino, jovem, solteiro e com ensino médio completo, aponta TSE


    As eleições deste ano em Ribeirão das Neves terão como novidade a possibiliidade de realização de segundo turno na disputa do cargo de prefeito caso nenhum dos candidatos alcance 50% mais um dos votos válidos no primeiro turno. Para isso, aqueles que estarão no pleito vão disputar o voto de 214.845 eleitores nevenses cadastrados na Justiça Eleitoral.

    Além do número total de habitantes aptos a votar, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) disponibiliza, em sua página, algumas estatísticas sobre o eleitorado país afora, como gênero, faixa etária, estado civil e grau de instrução.

    Em Ribeirão das Neves, 52,7% dos eleitores são do sexo feminino e 47,3% são do sexo masculino. No que se refere à faixa etária, a maioria está concentrada de 25 a 29 anos (11,43%). Em relação ao estado civil, 52% se declaram solteiro e 39,3% casado, e a maioria possui ensino médio completo (29,48%) ou fundamental incompleto (28,98%).

    Existem também o eleitorado com deficiência, que soma 1.277 pessoas, sendo que a maioria tem problemas de locomoção (736). E há ainda 14 eleitores com nome social aptos a votar no município.

    Veja abaixo os gráficos detalhados:

     

    Fonte: TSE
    Fonte: TSE
    Fonte: TSE
    Fonte: TSE
    Readmore
  • PC do B confirma candidatura de Dr. Getúlio; vice será Rogério Alves, do PT


    O Partido Comunista do Brasil (PCdoB) ratificou, nessa sexta-feira (11), a candidatura do médico Dr. Getúliio à Prefeitura de Ribeirão das Neves. O vice será o advogado Rogério Alves, do Partido dos Trabalhadores (PT). A convenção virtual, referendou também o apoio do PSOL, partido da deputada estadual nevense Andréia de Jesus.

    Pelas redes sociais, o Getúlio comemorou a união dos três partidos de esquerda em Ribeirão das Neves. "A Receita da Mudança para Neves e você! Coligação PcdoB, PT, PSOL referendada em convenção. Dr. Getulio e Rogério Alves, como pré-candidato a prefeito e a vice-prefeito", destacou.

    Dr. Getúlio já foi candidato a prefeito em Ribeirão das Neves por três vezes. Em 2000, pelo PT, ficou em 3º lugar, atrás de Dirceu Pereira e Ailton de Oliveira, com 20.806 votos. Em 2004, também pelo PT, ficou em segundo lugar, com 39.198 votos, atrás apenas do prefeito eleito Walace Ventura. Em 2008, já pelo PMDB, perdeu novamente para Walace numa eleição polarizada, onde recebeu 23.832 votos.

    Readmore
  • Pesquisa de intenção de votos em agosto ignorou eleitorado de Justinópolis; especialista aponta parcialidade


    Em agosto, a primeira pesquisa eleitoral registrada neste ano, realizada pelo F5 Atualiza Dados, mexeu com o cenário político em Ribeirão das Neves. A dianteira do prefeito Junynho Martins (DEM) frente aos demais candidatos chamou a atenção daqueles que já acompanhavam, naquele momento, a corrida eleitoral visando o pleito de 15 de novembro. Passadas algumas semanas após a divulgação dos números de intenção de voto, no entanto, uma nova informação disponibilizada no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pode mexer com a interpretação do resultado.

    De acordo com a legislação, as empresas que realizam pesquisas de opinião pública relativas às eleições devem registrá-las junto à Justiça Eleitoral quando a intenção for divulgar os resultados. No caso da pesquisa realizada pelo F5, o detalhamento com a relação de bairros pesquisados mostra algo, no mínimo, estranho: apenas as regiões Centro e Veneza foram visitadas pelos pesquisadores, deixando de fora a região de Justinópolis, que concentra mais de 50% dos eleitores nevenses.

    Conforme o documento registrado no TSE, a F5 percorreu 14 bairros na região Centro e 8 no distrito do Veneza, e nenhum em Justinópolis (veja abaixo relação completa). Para o professor Walner Pinel Bittencourt, especialista em pesquisas eleitorais com experiência de décadas no ramo, a pesquisa não é imparcial como deveria ser. "A metodologia está errada, a pesquisa é tendenciosa. Como excluiu uma região da cidade, ela oficialmente não representa Ribeirão das Neves como um todo. A amostra está comprometida", avaliou.

    O RibeiraoDasNeves.net procurou o F5 Atualiza Dados para que o instituto se pronunciasse sobre os motivos da exclusão da região com maior colégio eleitoral da cidade, porém não obteve resposta.

    O levantamento, feito entre os dias 17 e 18 de agosto, entrevistou 782 eleitores nevenses ao custo de R$ 14 mil, está registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob o número MG-09252/2020.

    Relação de bairros pesquisados pelo F5 Atualiza Dados - Fonte: TSE

     

    Readmore
  • Pesquisa F5 Atualiza Dados em Ribeirão das Neves: Junynho tem 35,0%; Delei 12,7%; e Bianchini 5,7%


    Um levantamento feito pela F5 Atualiza Dados, encomendado pela TV Alterosa e divulgado pelo jornal Estado de Minas nessa segunda-feira (9), aponta a intenção de votos para a Prefeito de Ribeirão das Neves.

    De acordo com a pesquisa estimulada, o atual prefeito Junynho Martins (DEM) tem 35,06% de intenções de voto, seguido pelo vereador Delei (Republicanos), com 12,73%. Em seguida, aparece em terceiro Coronel Bianchini (Avante), com 5,72%; em quarto Dr. Geútlio (PC do B), com 4,06%; e em quinto Washington Modesto Filho (PTB), com 3,51%.

    Bem abaixo, estão Joel Lucas (PSDB), com 1,48%; Robinho Neves (PSL), com 1,29%; Deborah Rubiana (Solidariedade), com 0,92%; e, por último, o Prof. Carlos Eugênio (PSB), com 0,18% das intenções de voto.

    O número de eleitores que ainda estão indecisos representam 18,63% dos entrevistados, enquanto os votos brancos e nulos somam 16,42%.

    Pesquisa F5 Atualiza Dados

    Pesquisa

    De acordo com o EM, a pesquisa foi feita em 6 e 7 de novembro, quando foram entrevistados 782 eleitores. A margem de erro máxima estimada é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra. O nível de confiabilidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo MG-04918/2020.

    Readmore
  • Pesquisa Instituto Giga em Ribeirão das Neves: Junynho tem 33%; Delei 14%; e Washington 5%


    Um levantamento feito pela Giga Instituto de Pesquisa, divulgado nesta quinta-feira (12), mostra um cenário de vantagem do atual prefeito Junynho Martins (DEM) pela reeleição à Prefeitura de Ribeirão das Neves. De acordo com a pesquisa estimulada, o Junynho tem 33% de intenções de voto, seguido pelo vereador Delei (Republicanos), com 14%. Em terceiro, aparece Washington Modesto Filho (PTB), com 5%.

    Em quarto lugar, está Dr. Geútlio (PC do B), com 4%. Em seguida, empatados com 1%, aparecem Deborah Rubiana (Solidariedade), Coronel Bianchini (Avante), Prof. Carlos Eugênio (PSB) e Joel Lucas (PSDB).  Robinho de Neves (PSL), não atingiu 1% das intenções de voto.

    O número de eleitores que não responderam ou não souberam responder representaram 40% dos entrevistados.

    Giga Instituto de Pesquisa

    Votos válidos

    De acordo com a pesquisa, se forem considerados apenas os votos válidos, o prefeito Junynho Martins alcançaria 55%, contra 45% da soma dos concorrentes, o que significa que a eleição poderia terminar no primeiro turno.

    Avaliação da atual gestão

    A Giga mediu também a avaliação do governo Junynho Martins. Segundo o instituto, o atual chefe do Poder Executivo nevense teve 7% de ótimo, 29% de bom, 36% de regular, 10% de ruim e 16% de péssimo. Apenas 2% não quiseram ou não souberam responder.

    Pesquisa

    A pesquisa, realizada pela Giga Instituto de Pesquisa, foi feita entre 5 e 7 de novembro, quando foram entrevistados 600 eleitores. A margem de erro máxima estimada é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra. O nível de confiabilidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo MG-01907/2020.

    Readmore
  • Pesquisa Instituto Imagem em Ribeirão das Neves: Junynho tem 33,8%; Delei 31,4%; e Washington 5,4%


    Um levantamento feito pelo Instituto Imagem, divulgado nesta quarta-feira (11), mostra um cenário de indefinição da corrida à Prefeitura de Ribeirão das Neves. De acordo com a pesquisa estimulada, o atual prefeito Junynho Martins (DEM) tem 33,8% de intenções de voto, seguido pelo vereador Delei (Republicanos), com 31,4%. Em terceiro, Washington Modesto Filho (PTB), aparece com 5,4%.

    Em seguida, aparece em quarto Dr. Geútlio (PC do B), com 4,3%; em quinto Coronel Bianchini (Avante), com 3,1%; em sexto Robinho Neves (PSL), com 2,0%; em sétimo Joel Lucas (PSDB), com 1,2%; em oitavo Deborah Rubiana (Solidariedade), com 1,1%; e, em nono, o Prof. Carlos Eugênio (PSB), com 0,1% das intenções de voto.

    O número de eleitores que não responderam ou não sabem responder representaram 17,6% dos entrevistados.

    Pesquisa do Instituto Imagem

    Pesquisa

    A pesquisa, realizada pelo Instituto Imagem, contratada pelo candidato Delei, foi feita em 1º e 2 de novembro, quando foram entrevistados 600 eleitores. A margem de erro máxima estimada é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra. O nível de confiabilidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo MG-07776/2020.

    Readmore
  • Propaganda eleitoral começa neste domingo; veja o que pode e o que não pode na campanha


     

    A partir do próximo domingo (27), os candidatos, partidos políticos e coligações estão autorizados a fazer propaganda eleitoral nos locais permitidos nas ruas, imprensa escrita e na internet. O período de campanha vai até o dia 14 de novembro (dependendo da modalidade). Já a propaganda gratuita no rádio e na televisão só terá início no dia 9 de outubro.

    A internet é uma plataforma cada vez mais utilizada em campanhas eleitorais, e há normas específicas para a propaganda virtual. Os sites de partidos e candidatos têm que ser hospedados em provedores brasileiros e os endereços devem ser comunicados à Justiça Eleitoral. A divulgação dos candidatos também pode ser feita por meio de blogs, sites de relacionamento e aplicativos de mensagens instantâneas.

    O impulsionamento de publicações na internet só pode ser feito pelos candidatos ou partidos, devendo haver clara identificação que se trata desse tipo de propaganda. São proibidos o disparo em massa de conteúdo por aplicativos de mensagens e a veiculação de propaganda eleitoral em sites de pessoas jurídicas, com ou sem fins lucrativos, e em sítios oficiais ou hospedados por órgãos ou entidades da administração pública direta ou indireta.

    Nas ruas, a propaganda eleitoral pode estar em mesas de distribuição de material impresso e bandeiras móveis, desde que não atrapalhem o trânsito de pessoas e veículos, devendo ser colocados e retirados entre 6h e 22h. A propaganda eleitoral por meio de alto-falantes ou amplificadores de som pode ser realizada das 8h às 22h, até o dia 14 de novembro (um dia antes da Eleição), observando-se as restrições de local.

    Nos bens particulares, é permitido o uso de adesivos plásticos em automóveis, caminhões, bicicletas, motocicletas e janelas residenciais, desde que não exceda a 0,5 m² (meio metro quadrado). E deve ser sempre gratuita, vedado qualquer tipo de pagamento.

    Na imprensa escrita, é permitida, até 13 de novembro, a divulgação paga de propaganda eleitoral, devendo ser respeitado o tamanho máximo do anúncio por edição.

    Outros detalhes podem ser conferidos no Guia da Propaganda, material produzido pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais, disponível na página Eleições 2020, no site da instituição. É importante que a população conheça as regras da campanha, para ficar de olho nos candidatos e saber quem está agindo de forma correta.

    Propaganda irregular

    Para denunciar propagandas irregulares o eleitor pode ir pessoalmente ao cartório eleitoral, procurar o Ministério Público Eleitoral ou utilizar, a partir do dia 27 de setembro, o aplicativo “Pardal”, criado pela Justiça Eleitoral.

    O aplicativo é especifico para informar irregularidade na propaganda eleitoral. O cidadão preenche um formulário, com a sua identificação e um relatório demonstrando qual o tipo de irregularidade a ser apurada. Após o envio, o denunciante receberá um e-mail de confirmação.

    Combate à desinformação

    Outra preocupação da Justiça Eleitoral são as notícias falsas. A Resolução TSE nº 23.610/2019, que tem as normas da propaganda eleitoral para as Eleições 2020, prevê que os candidatos, partidos ou coligações são responsáveis por verificar a veracidade das informações que utilizam nas suas ações de campanha. Eles estarão sujeitos ao disposto no art. 58 da Lei nº 9.504/1997, que trata do direito de resposta, sem prejuízo de eventual responsabilidade penal.

    Além da previsão legal de punição a quem divulgar informação falsa, o TRE-MG criou o Núcleo de Enfrentamento à Desinformação, cujo objetivo é esclarecer a população sobre a atuação da Justiça Eleitoral e combater a disseminação de notícias falsas ou descaracterizadas.

    Readmore
  • PTB confirma candidatura de Washington Modesto Filho à Prefeitura de Ribeirão das Neves


    O Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) realizou, nessa quarta-feira (16), em Justinópolis, a convenção visando as Eleições 2020. Na oportunidade, a sigla confirmou a indicação de Washington Modesto Filho para concorrer ao cargo de prefeito em 15 de novembro.

    Filho do ex-prefeito Washington Modesto, que governou o município por duas vezes, o político é engenheiro civil e policial militar, e tem utilizado a memória do pai para encorpar a própria candidatura. Pelas redes sociais, Washington celebrou a formalização de seu nome para a disputa. "Dia de muitas felicidades, dia de muitos amigos. Agora é 'Neves de Volta ao Progresso'", comemorou.

    Apesar da confirmação do nome de Washington, o partido ainda não fez indicação do nome do pré-candidato a vice-prefeito. O prazo para definir a composição é 26 de setembro, quando termina o prazo para registro das candidaturas na Justiça Eleitoral.

    Readmore
  • Quase 215 mil nevenses estão aptos a escolher prefeito e vereadores nas eleições deste domingo


    As eleições deste ano em Ribeirão das Neves, que pela primeira vez terá a possibilidade de realização de segundo turno na disputa do cargo de prefeito, promete ser bastante disputada. Além da chefia do Poder Executivo, estão em jogo 14 cadeiras na Câmara Municipal. Para chegar lá, aqueles que estão no pleito vão disputar o voto de 214.845 eleitores nevenses cadastrados na Justiça Eleitoral. Apesar do número eleitores aptos a votar, considerando a abstenção histórica e o cenário de pandemia, o percentual de ausentes deve superar os 30%. 

    Em Ribeirão das Neves, 52,7% dos eleitores são do sexo feminino e 47,3% são do sexo masculino. No que se refere à faixa etária, a maioria está concentrada de 25 a 29 anos (11,43%). Em relação ao estado civil, 52% se declaram solteiro e 39,3% casado, e a maioria possui ensino médio completo (29,48%) ou fundamental incompleto (28,98%).

    Para a Prefeitura, o favoritismo é de Junynho Martins (DEM), que concorre à reeleição. As pesquisas divulgadas até a véspera da eleição apontam para a possibilidade de vitória no primeiro turno. As mesmas pesquisas mostram que o vereador Delei (Republicanos) pode levar a disputa para o segunto turno e medir forças com o antigo aliado. Correm por fora, por ordem alfabética, Coronel Bianchini (Avante), Deborah Rubiana (Solidariedade), Dr. Getúlio (PC do B), Joel Lucas (PSDB), Prof. Carlos Eugênio (PSB), Robinho de Neves (PSL) e Washington Modesto Filho (PTB).

    Vereador

    Para ocupar uma vaga na Câmara Municipal, a disputa também é acirrada. Ao todo, o Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) recebeu 492 pedidos de registros de candidatura para vereador no município, o que dá uma média de 35 candidatos para cada vaga. A expectativa é uma renovação de cerca de 40% dos vereadores atualmente com mandato. 

    Desse total de candidatos, são 337 homens (66,1%) e 173 mulheres (33,9%). Em relação à faixa etária, a maioria se concentra entre 40 e 44 anos de vida (21,96%). O grau de instrução predominante é o ensino médio completo (35,88%), seguido de superior completo (27,84%) e ensino fundamental completo (14,51%). Em relação à ocupaçao mais frequente, além de outros (26,08%), a maioria se declara como comerciante (11,76%), empresário (6,86%) e aposentado (4,71%). 

     

     

    Readmore
  • Quem são os candidatos a prefeito de Ribeirão das Neves nas eleições de 2020?


    Ribeirão das Neves terá 9 postulantes ao cargo de prefeito nas Eleições 2020. O fim do prazo para registro das candidaturas definiu o quadro eleitoral para início da campanha neste domingo (27). Nunca antes na história do município houve uma disputa com tantos candidatos concorrendo ao posto de chefe do Executivo. 

    Conheça os candidatos, listados em ordem alfabética conforme nome na urna:

    Coronel Bianchini (Avante)

    Militar reformado, 55 anos, Coronel Bianchini foi comandante-geral da Polícia Militar de Minas Gerais e professor universitário no ramo do Direito. Foi candidato a deputado federal em 2018 e concorre pela primeira vez à Prefeitura de Ribeirão das Neves. Mora no Condomínio Nossa Fazenda, em Esmeraldas, região próxima ao distrito do Veneza, onde mantém sua base eleitoral. O vice, Neiro Lopes (PRTB), da região de Justinópolis, foi vereador na década de 1980 e hoje, aos 62 anos, atua no setor industrial.

    Coligação: Liderança forte, coragem para mudar (Avante/PRTB).

    Deborah Rubiana (Solidariedade)

    Única mulher no pleito, a assessora parlamentar do deputado Wendel Mesquita disputa um cargo eletivo pela primeira vez. Jovem de 36 anos, moradora de Justinópolis, buscou dentro do próprio partido o vice, Diogo Fernandes, bacharel em Direito e empresário, líder do RenovaBR, que ficou conhecido pelo pedido de impeachment do prefeito Junynho Martins no ano passado.

    Chapa pura do Solidariedade

    Delei (Republicanos)

    Vereador de terceiro mandato, Vanderlei Delei vai tentar, aos 44 anos, galgar a cadeira de chefe do Poder Executivo com apoio da cúpula do partido, ligado à Igreja Universal. Advogado de formação e policial civil de carreira, Delei buscou no comerciante Toco Menezes (Patriota), de 51 anos, morador de Justinópolis, a composição para candidato a vice-prefeito.

    Coligação: Nossa gente merece respeito (Pode/Republicanos/Patriota/PDT/PROS)

    Dr. Getúlio (PC do B)

    Aos 57 anos, o médico acumula vasta experiência eleitoral em Ribeirão das Neves, tendo sido candidato por três vezes: em 2000, pelo PT, (3º lugar); em 2004, também pelo PT (2º lugar); em 2008, pelo PMDB, ficou também em segundo. Agora, Dr. Getúlio costurou uma chapa agregando partidos de um frente de esquerda. O vice, Dr. Rogério Alves, advogado, vem do PT.

    Coligação: A receita da mudança para Ribeirão das Neves (PCdoB/PT/PSOL)

    Joel Lucas (PSDB)

    Joel Lucas tem uma longa trajetória no PSDB, tendo sido candidato a vereador em 2004. Eterno assessor do hoje deputado federal Aécio Neves, o tucano tem feito discurso para diminuir os gastos com a máquina pública e combater a corrupção. Seu candidato a vice é o radialista e servidor público Ronaldo Marreta, que já foi candidato a prefeito em 2012 em Ribeirão das Neves pelo PSOL.

    Chapa pura do PSDB

    Junynho Martins (DEM)

    Candidato à reeleição, Junynho Martins é filho da terra, professor de carreira e ex-executivo da CDL Neves. Passou pela Câmara Municipal na legislatura 2009/2012, onde foi inclusive presidente da Casa em 2011. Eleito em 2016 pelo PSC, agora Junynho tenta renovar o mandato para mais quatro anos pelo Democratas, colocando à prova os últimos quatro anos de gestão à frente do Executivo.

    Coligação: No caminho do crescimento (PL/PP/PMDB/PSC/Cidadania/DEM/MDB/PSD)

    Prof. Carlos Eugênio (PSB)

    Morador da região de Justinópolis, o professor e pedagogo Carlos Eugênio Demétrio, aos 50 anos, tem experiência em várias escolas no município e possui atuação no setor cultural, com experiência no carnaval belo-horizontino. Atualmente, é vice-diretor licenciado da E. E. José Bonifácio Nogueira. Como vice, o partido escolher a enfermeira Aline Veras, moradora do bairro Rosaneves, que foi vice-presidente do Conselho Municipal de Saúde de Ribeirão das Neves.

    Chapa pura do PSB

    Robinho de Neves (PSL)

    Admirador do presidente Jair Bolsonaro, Robinho de Neves é cabo da Política Militar e bacharelando em Direito. Tem utilizado as redes sociais pregando um projeto de renovação, sempre amparado em valores ligados a Deus, à pátria e à família. O candidato a vice-prefeito na chapa escolhido foi o professor Adilson Puma (PMN), que já foi candidato a vice-prefeito pelo então PRB em 2012 na chapa com o ex-vereador Marquinhos.

    Coligação: Juntos em busca da renovação (PSL/PMN/PTC)

    Washington Modesto Filho (PTB)

    Filho do ex-prefeito Washington Modesto, que governou o município por duas vezes, o político é engenheiro civil e policial militar, e tem utilizado a memória do pai para encorpar a própria candidatura. Já havia tentado, em 2004, uma cadeira na Câmara Municipal, sem sucesso. A candidata a vice será a administradora Pollyanna Costa (Rede), irmã do ex-presidente do PT e ex-secretário de Educação e Cultura, Arlem Costa.

    Coligação: Neves de volta ao progresso (PTB/REDE)

     

    A lista completa de candidatos pode ser consultada no portal de divulgação do Tribunal Superior Eleitoral

     

    Readmore
  • Ribeirão das Neves tem 35 candidatos para cada vaga na Câmara; veja o perfil dos concorrentes


    Uma espécie de vestibular para medicina. Esse é o desafio para quem quer se eleger a uma das 14 cadeiras da Câmara Municipal de Ribeirão das Neves nas Eleições 2020. Ao todo, o Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) recebeu 492 pedidos de registros de candidatura para vereador no município, o que dá uma média de 35 candidatos para cada vaga. Somando-se aos 9 candidatos a prefeito e 9 a vice-prefeito, são 510 candidatos na disputa.

    Porém, desse total, ainda existem vários candidatos que estão atendendo diligências para complemento de informações, como eventuais faltas ou erros em certidões, documentos pessoais, fotos, etc, tudo isso exigido pela Justiça Eleitoral para efetivação das candidaturas. Até o momento, 2 candidatos já pediram renúncia da disputa.

    Do total, são 337 homens (66,1%) e 173 mulheres (33,9%). A maioria é casado (55,7%), solteiro (30,4%) ou divorciado (10,0%). Em relação à faixa etária, a maioria se concentra entre 40 e 44 anos de vida (21,96%). Em relação à cor/raça, os pardos são maioria (54,12%), seguidos de brancos (24,9%) e pretos (20,98%).

    O grau de instrução predominante é o ensino médio completo (35,88%), seguido de superior completo (27,84%) e ensino fundamental completo (14,51%). Em relação à ocupaçao mais frequente, além de outros (26,08%), a maioria se declara como comerciante (11,76%), empresário (6,86%) e aposentado (4,71%). 

    Veja abaixo os gráficos detalhados:

    Fonte: TSE

    Fonte: TSE

    Fonte: TSE

    Fonte: TSE

    Fonte: TSE

    Fonte: TSE

     

    Dos 14 parlamentares atuais, todos estão envolvidos no novo pleito, dos quais 13 tentam a reeleição e um, Vanderlei Delei (Republicanos), concorre ao cargo de prefeito.

    A relação completa dos candidatos está na página de Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais do Tribunal Superior Eleitoral. 

     

    Readmore
  • Solidariedade define chapa 'puro-sangue' à prefeitura com Deborah Rubiana e Diogo Fernandes


    O partido Solidariedade definiu, durante convenção realizada no último sábado (12), a indicação de uma chapa "puro-sangue" para disputa da Prefeitura de Ribeirão das Neves nas Eleições 2020.

    A cabeça de chapa será ocupada por Deborah Rubiana, assessora parlamentar do deputado Wendel Mesquita (SD). O bacharel em Direito Diogo Fernandes, líder do RenovaBR em Ribeirão das Neves, famoso pelo pedido de impeachment do prefeito Junynho Martins, vai compor como candidato a vice-prefeito. É a primeira vez que a dupla disputa uma eleição.

    Pelas redes sociais, a única mulher pré-candidata ao cargo no município, celebrou a indicação do partido. "A minha candidatura representa a renovação. Nós vamos fazer uma história grandiosa, vamos transformar Ribeirão das Neves em uma cidade modelo", afirmou Deborah.

    Já Diogo mostrou-se entusiasmado com a oportunidade. "Ao lado da nossa futura prefeita, Deborah Rubiana, uma mulher de fibra e extremamente preparada para esse desafio, tenho certeza que Ribeirão das Neves conseguirá, enfim, prosperar", comemorou.

    O deputado Wendel Mesquita prestigiou a convenção e pregou renovação na política nevense. "Nós acreditamos em vocês. Se esse exercíto do bem que está aqui hoje, falar da nossa candidata, nós vamos para o 2º turno. E nós vamos vencer a Prefeitura de Ribeirão das Neves. Chegou a hora da mudança verdadeira", declarou o parlamentar.

    Readmore
  • TCU disponibiliza lista de candidatos às eleições que receberam auxílio emergencial


    O Tribunal de Contas da União (TCU) disponibilizou, na última sexta-feira (6), uma lista produzida que contém os candidatos que declararam patrimônio igual ou superior a R$ 300mil e que receberam alguma parcela do auxílio emergencial até julho de 2020. De acordo com o órgão, tais casos demonstram potenciais integrantes do rol de inclusões indevidas do benefício, uma vez que os indícios apontam renda incompatível com as regras do programa.

    A lista disponibilizada contém o cruzamento de dados realizado pelo TCU e o cruzamento realizado pelo Ministério da Cidadania, com dados que permitem identificar benefícios que foram cancelados antes da decisão do Tribunal e benefícios que permaneceram com pagamentos em setembro e outubro.

    Dessa forma, de acordo com o TCU, a planilha permite idenficar o tipo de auxílio (emergencial ou residual) e o momento do bloqueio (se antes ou depois da decisão do TCU). Vale destacar que o Ministério da Cidadania deliberou pelo cancelamento de todos os benefícios detectados pelo TCU, sem prejuízo da possibilidade dos beneficiários contestarem nos canais adequados.

    Em Ribeirão das Neves, 18 candidatos a vereador aparecem no pente fino do órgão. O patrimônio dos candidatos variam entre R$ 300 mil e R$ 1,65 milhão. Alguns deles solicitaram o benefício pelo aplicativo da Caixa e outros constavam no cadastro único. Veja a relação:

    Fonte: TCU - *renunciou à disputa

    Apesar da renda incompatível com as regras do programa, o TCU alertou que os resultados do pente fino, elaborados a partir de dados públicos disponíveis no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), são apenas indícios de renda incompatível com o auxílio, havendo risco de erro de preenchimento pelo candidato e risco de fraudes estruturadas com dados de terceiros. "Só o Ministério da Cidadania pode confirmar se o pagamento é indevido, e só o TSE pode confirmar eventuais crimes eleitorais", afirmou, em nota. Os dados dos beneficiários do auxílio também são públicos, disponíveis no Portal da Transparência.

     

    Readmore
  • Um time de futebol de ex-vereadores tenta novos mandatos eletivos em 2020; veja quem são


    Vira e mexe, o ano eleitoral mostra figurinhas repetidas tentando alçar novos voos. Em 2020, 11 ex-vereadores nevenses vão tentar a sorte nas urnas novamente, seja por um novo mandato no parlamento ou na busca por uma vaga ao Executivo - nos casos verificados, a vice-prefeito, especificamente.

    Levantamento exclusivo do RibeiraoDasNeves.net mostra que 9 ex-parlamentares vão tentar de novo uma vaga na Câmara. Nessa lista, estão Lourival (PV), Prof. Valter Bento (Podemos), Waltinho (Podemos), Forte (PRTB), Maria das Cabritas (PRTB), Marquinhoss (PTB), Vânia Mendes (MDB), Braúna Neves (MDB) e Valério Neto (PV).

    Há ainda dois ex-vereadores que ocupam chapas majoritárias como vice-prefeito. É o caso do atual ocupante da cadeira, Vitório Junior (PSD), que ocupou a vereança entre 2013/16 e agora tenta renovar o mandato junto com o prefeito Junynho Martins (DEM). Na mesma situação encontra-se o ex-vereador Neiro Lopes (PRTB), hoje candidato a vice-prefeito na chapa do Coronel Bianchini (Avante).

    Veja a lista completa:

    Ex-vereadores em busca da Câmara

    Lourival - PV - (2013/2016)
    Prof. Valter Bento - PODE (2013/2016)
    Waltinho - PODE (2009/2016)
    Forte - PRTB - (2009/2012)
    Maria das Cabritas - PRTB (2009/2012)
    Marquinhos - PTB (2001/2008)
    Vânia Mendes - MDB (1997/2004)
    Brauna Neves - MDB (1997/2000)
    Valério Neto - PV (1993/1996)

    Ex-vereadores em busca do cargo de vice-prefeito

    Vitório Junior - PSD (2013/2016)
    Neiro Lopes - Avante (1982/1986)

     

    Readmore

Casos em acompanhamento: 15.867

Casos confirmados: 3.917

Casos em presídios: 366

TOTAL DE CASOS: 4.283

Óbitos confirmados p/ Covid-19: 158

Casos curados: 4.005

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de
Ribeirão das Neves 
Última atualização: 12/11/2020