All for Joomla All for Webmasters

MP vai apurar se houve vacinação indevida contra o coronavírus em Ribeirão das Neves

O Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG) vai investigar possíveis casos de vacinação indevida contra o coronavírus em Ribeirão das Neves. O órgão instaurou processo administrativo para apurar possíveis irregularidades no processo de imunização na cidade.

A Ouvidoria Geral do Estado também recebeu três denúncias de irregularidades na vacinação no município.

Nesta quarta-feira (17), a coluna da Edilene Lopes, da rádio Itatiaia, informa que a Polícia Civil também instaurou inquérito para investigar as denúncias de fura-fila da vacina na cidade. "A Polícia Civil recebeu informações de troca de imunizantes por caixas de cerveja, de servidores falecidos que constariam na lista de vacinados e de servidores de outras pastas que também estariam entre os contemplados", afirmou a jornalista.

O secretário de Saúde Rodrigo Augusto Vieira declarou, na última segunda-feira (15), na Câmara Municipal, que o município segue Plano Nacional de Imunização (PNI) e deliberação do Governo do Estado que estabelece os grupos prioritários. Na ocasião, o gestor se comprometeu a divulgar a lista dos vacinados, o que, até o momento, não ocorreu.

 

0
0
0
s2smodern

Casos suspeitos: 18.871

Casos confirmados: 5.692

Casos em presídios: 386

TOTAL DE CASOS: 6.078

Óbitos confirmados p/ Covid-19: 169

Casos curados: 5.245

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de
Ribeirão das Neves 
Última atualização: 30/12/2020

 

bg contorno