All for Joomla All for Webmasters

Francisca de Paula Messias

Sairemos fortalecidos ou desmantelados da pandemia? A realidade devastadora caiu em nossa economia, e o setor imobiliário foi atingido fortemente. O foco do mercado imobiliário, setor realizador de sonhos, deverá ser grandes adaptações, união e eficiência. 

Antes da pandemia, as reflexões do mercado imobiliário indicavam grandes perspectivas, grandes negócios, mais pessoas adquirindo imóveis, a queda da inadimplência do financiamento habitacional, ampliação dos negócios, tanto para compradores, quanto para o fomento de contratos de locações, e expectativas de medidas governamentais que impulsionariam o mercado imobiliário. Com todas as expectativas caindo por terra, o setor imobiliário será capaz de se transformar? Se reinventar será a solução.

Diante desse quadro, se refazer é primordial para a sobrevivência do mercado imobiliário. Alternativas virão como um furacão: muitas locações e imóveis residenciais compartilhados. O ponto principal será dividir gastos. É esperado que o compartilhamento organizado trará também vantagens: dividir experiências, culturas e conhecimentos. Os imóveis comerciais não ficarão de fora dessas transformações. Haverá uma grande adesão ao coworking, "movimento de pessoas, empresas e comunidades que buscam trabalhar e desenvolver suas vidas e negócios juntos, para crescer de forma mais rápida e colaborativa", e ao trabalho home office, gestão do trabalho em casa. Essas alternativas farão parte do nosso cotidiano. Utilizar as redes sociais será uma potente arma nas mãos deste marcante setor, visto que o cenário está exigindo transformações. O cotidiano do mercado imobiliário com a economia é ombro a ombro e se faz a partir de alianças importantes.

Diante do exposto, transformar-se a partir da calamidade que devasta o mercado negociador de bens imóveis não será fácil. As empresas do ramo imobiliário terão grandes desafios e importantes papéis: apresentar para seus clientes iniciativas, trabalho e muita atitude.

 

0
0
0
s2smodern

Os artigos publicados são de inteira responsabilidade de seus autores. As opiniões neles emitidas não exprimem, necessariamente, o ponto de vista do RibeiraoDasNeves.net.

Casos suspeitos: 18.871

Casos confirmados: 5.692

Casos em presídios: 386

TOTAL DE CASOS: 6.078

Óbitos confirmados p/ Covid-19: 169

Casos curados: 5.245

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de
Ribeirão das Neves 
Última atualização: 30/12/2020

 

bg contorno