All for Joomla All for Webmasters

Fabiano Diniz

  • Alegando insalubridade e baixa demanda de alunos, Prefeitura vai fechar escola em Justinópolis


    Moradores do bairro Viena se reuniram nesta quinta-feira (5) para protestar contra o fechamento da Escola Municipal Julieta Tarciana Vieira Rocha, em Justinópolis. Para a comunidade escolar, a Prefeitura quer encerrar as atividades da unidade de ensino como forma de reduzir custos.

    De acordo com a Prefeitura, a escola será fechada após o término do ano letivo de 2017. A administração municipal avalia que a unidade "não apresenta instalações físicas adequadas para atendimento a crianças, principalmente na idade de creche" e considera que a demanda de alunos na unidade é baixa - cerca de 40 crianças de 0 a 3 anos.

    Ainda segundo o Poder Executivo, os alunos matriculados na escola serão encaminhados para outras unidades de ensino municipais e estaduais dentro de um raio de 2km da escola em questão, e os pais farão a opção da escola de preferência na Secretaria de Educação, que disponibilizará, caso necessário, transporte escolar público entre a residência dos alunos e a nova instituição de ensino.

    Pais e responsáveis das crianças classificaram o ato como inconsequente por se tratar da única escola do bairro, o que aumentaria o deslocamento dos alunos até outra instituição de ensino.

    Já o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE) se mostrou preocupado com o quadro e afirmou que, além de prejudicar os alunos, a medida pode causar novas demissões no setor.

    Novos equipamentos 

    A Prefeitura de Ribeirão das Neves informou ainda que estão previstas as construções de uma Creche do Programa ProInfância e uma escola estadual na comunidade do Viena.

    Readmore
  • Câmara Municipal instala nova CPI para apurar irregularidades no pagamento dos médicos


     

    Diante da interrupção do atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Joanico Cirilo de Abreu e dos problemas no Hospital São Judas Tadeu, a Câmara Municipal aprovou, na reunião ordinária dessa segunda-feira (31), requerimento Nº 078/2016 de instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar possíveis irregularidades no repasse de recursos ao ICISMEP, consórcio que mantém contrato com o município para disponibilizar médicos na rede pública.

    O presidente da CPI será Vanderlei Delei e o relator Fabiano Diniz. Além deles, o requerimento foi aprovado com as assinaturas de mais seis vereadores: Lelo, Juarez Carvalho, Lourival, Nilton Brauninha, Rômulo Fernandes e Vitório Junior. O número mínimo de assinaturas para aprovar o requerimento eram cinco.

    Os vereadores Bruno Reges, Léo de Areias, Ramon do Girico, Valter Bento e Waltinho não assinaram o documento. Já Sidmar Caetano esteve ausente da reunião.

    Após a publicação da portaria, serão iniciadas as diligências. Os trabalhos da CPI devem terminar até o fim do ano.

    A reportagem procurou a Prefeitura de Ribeirão das Neves para comentar o assunto, mas o órgão afirmou que ainda não recebeu notificação.

     

    Readmore
  • Com foco na prevenção, Prefeitura de Ribeirão das Neves lança projeto 'Escola Segura'


    Foto: Divulgação / SMED

    As secretariais de Educação e de Segurança, Trânsito e Transporte lançaram, na última quarta-feira (28), o projeto "Escola Segura", que tem como objetivo principal a prevenção e repressão aos atos de infração no ambiente escolar.

    De acordo com a Prefeitura, as ações em conjunto auxiliam o dia a dia escolar, promovendo e monitorando o desempenho funcional para Guardas Patrimoniais Escolares, bem como a criação e instalação do ponto de apoio e, ainda, adaptação de um veículo cedido pela Secretaria de Educação responsável para realizar o Grupamento de Patrulha Escolar (GPE).

    A Prefeitura ressaltou a importância do projeto para o âmbito escolar, já que diferentes tipos de violência permeiam a vida dos jovens diariamente, sendo, portanto, de extrema necessidade ampliar e qualificar a rede de segurança dentro das unidades escolares municipais, além de sensibilizar e motivar a comunidade escolar, envolvendo direção, educadores, pais, colegiado, guardas patrimoniais, alunos e toda a sociedade.

    Pelas redes sociais, o prefeito Junynho Martins (PSC) comemorou a parceria entre as secretarias e a própria Polícia Militar (PM) , que viabilizou a colocação do projeto em prática. "Mais segurança e informação para a comunidade escolar de Ribeirão das Neves", enfatizou.

    Ainda conforme a administração municipal, a Patrulha Escolar fará ronda no entorno da escola, garantindo mais segurança à comunidade. Além disso, os guardas patrimoniais passarão por curso de capacitação para assegurar a manutenção do projeto e as ações implementadas.

    Readmore
  • Fabiano Diniz abre mão de pré-candidatura para apoiar Junynho Martins para prefeito


    Readmore
  • O mundo dá voltas


    Fabiano Diniz, que até ano passado fazia oposição ao governo Daniela Corrêa como vereador, não poupou críticas à petista pelo fechamento e rearranjo de escolas da rede municipal. Atual secretário de Educação, é a vez dele próprio tomar tais medidas. O mundo dá voltas!

     

    Readmore
  • Prefeitura divulga processo seletivo para preenchimento de vagas na Educação


    A Prefeitura de Ribeirão das Neves, por meio da Secretaria Municipal de Educação (SMED), divulgou nesta segunda-feira (4) a realização de Processo Seletivo Simplificado (PSS) destinado a selecionar candidatos de níveis fundamental, médio e superior.

    As oportunidades são para os cargos de Auxiliar de Serviço Escolar (ASE), Educador Infantil II, Intérprete de Libras, Instrutor de Libras, Pedagogo, Secretário Escolar e Professor de Educação Básica.

    De acordo com o Edital nº 002/2017, os salários variam de R$ 937,00 até R$ 1.826,69 para jornadas de trabalho de 24 a 30 horas por semana.

    As inscrições serão realizadas somente via internet, através de preenchimento de formulário de inscrição disponibilizado no site www.ribeiraodasneves.mg.gov.br, de 9 a 26 de dezembro de 2017. Não será cobrada taxa de inscrição.

    O processo seletivo será constituído das fases de Habilitação e Prova de Títulos. Os candidatos serão classificados automaticamente por ordem decrescente de pontuação. Os contratos terão validade de 6 meses, podendo ser renovados por igual período.

    Readmore
  • Prefeitura divulga reunião no Ministério da Educação para construção de creches


    O prefeito Junynho Martins (PSC) e o Secretário Municipal de Educação, Fabiano Diniz, se reuniram nessa terça-feira (7), no Ministério da Educação, em Brasília, para tratar da recuperação de recursos perdidos do programa ProInfância para a construção de creches no município.

    De acordo com a administração municipal, esses recursos vão permitir a construção de mais creches para o município de Ribeirão das Neves. Junynho e Fabiano tiveram conversas com a representante do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE), Aurineide Pontes.

    Segundo o prefeito, "a conquista é muito importante, afnal, a educação infantil é a base da construção para a caminhada estudantil, pessoal e cidadã do ser humano", disse em comunicado.

    A Prefeitura ainda não tem números do valor nem da quantidade de creches do ProInfância que serão liberados.

    Readmore
  • Prefeitura edita decreto que acaba com os professores eventuais nas escolas do município


    O Diário Oficial do Município (DOM) trouxe, nesta segunda-feira (21), a publicação do Decreto Nº 129/2017, assinado pelo prefeito Junynho Martins (PSC) e pelo secretário de Educação, Fabiano Diniz, que retira das escolas da rede pública municipal a figura do professor eventual - aquele que assume a turma a partir de uma falta temporária do professor titular.

    De acordo com a publicação, a medida considerou a situação financeira do município e a necessidade de readequar o limite de gastos com pessoal, como reza a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

    Conforme artigo 4º da Resolução n. 01/2017 da Secretaria Municipal de Educação, revogado com o decreto, as escolas de até 700 alunos tinham um professor eventual por turno e, acima desse número, dois eventuais por turno.

    A medida não foi bem recebida pelo Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (SindUTE-MG), que considerou que a educação dos alunos será prejudicada, uma vez que sempre que houver uma falta de um professor, ou os alunos serão dispensados ou ficarão sobre supervisão de outro profissional que não um professor. Segundo o sindicato, são 112 profissionais nesta situação.

    A reportagem entrou em contato com a Prefeitura de Ribeirão das Neves para comentar o decreto, mas até o momento não obteve retorno.

    Readmore
  • Professores da rede municipal protestam contra cortes na educação em Ribeirão das Neves


    Os professores da rede municipal de Ribeirão das Neves fizeram um protesto na manhã desta sexta-feira (25) contra o Decreto Nº 129/2017, assinado pelo prefeito Junynho Martins (PSC) e pelo secretário de Educação, Fabiano Diniz, que acaba com a figura dos docentes eventuais nas escolas da cidade. A classe aguarda uma agenda com o chefe do executivo nevense na próxima semana.

    O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE) estima que cerca de 150 profissionais que atuam nas mais de 70
    escolas do município serão afetados. As manifestações reuniram professores que atuam no município e educadores que foram aprovados pelo concurso realizado em 2015, mas não foram nomeados.

    Em nota, a Prefeitura de Ribeirão das Neves informou que os ajustes no setor da Educação são para enquadrar o município à Lei de Responsabilidade Fiscal, a única pasta que ainda estava fora dos padrões exigidos. "Para não comprometer a atividade pedagógica das escolas, a Prefeitura optou por antecipar a exoneração de vice diretores de escolas com menos de 240 alunos, o que ocorreria em 2018 por força da Lei 3740/2016. Como a maioria desses profissionais são concursados estes retornarão ao seu cargo de origem".

    Ainda segundo o órgão, outra medida será a exoneração de professores contratados e de coordenadores de anexos nas escolas de maior porte. Nesse caso, os vice diretores dessas escolas, a maioria efetivos, serão mantidos. "A medida a ser adotada acarretará uma economia de aproximadamente R$ 300 mil/mês. A Prefeitura ressalta que as decisões que estão sendo adotadas não afetarão a qualidade e a atividade pedagógica dos alunos".

    Readmore
  • Reunião de peso


    O secretário de Educação Fabiano Diniz e assessores do deputado Iran Barbosa (PMDB) se reuniram nessa segunda-feira (17) para discutir a doação de terrenos para a construção de escolas estaduais em Ribeirão das Neves. 

    Readmore
  • Secretaria de Educação divulga edital para eleição de diretores escolares


    A Prefeitura de Ribeirão das Neves, por meio da Secretaria Municipal de Educação, deu início a organização do Processo de Consulta Popular para o preenchimento dos cargos de Diretores e Vice-Diretores das escolas municipais para o triênio 2018/2020, de acordo com a Lei Nº 3649/2014 e Lei Nº 3740/2016.

    De acordo com a administração municipal, a consulta popular será realizada no dia 11 de novembro em todas as escolas da rede pública municipal de Ribeirão das Neves com a participação da comunidade escolar.

    A primeira reunião com a Comissão Central da Consulta Popular foi realizada no início setembro cujo objetivo, segundo o Exectivo, é organizar e fiscalizar todo Processo. A comissão é constituída por três segmentos -representantes da Secretaria de Educação, do Sindicato e do Poder Legislativo.

    O Edital 001/2017, da Consulta Popular, foi publicado no Diário Oficial dos Municípios Mineiros (DOMM) nesta segunda-feira. Segundo o documento, as inscrições das chapas serão realizadas nos dias 17, 18 e 19 outubro.

    Para concorrer aos cargos de Diretor e Vice Diretor Escolar, o candidato deve, dentre outras coisas, ser servidor efetivo ou estar em exercício nas funções de Diretor ou Vice-Diretor de uma unidade escolar, estar em exercício na Escola Municipal a qual se candidatar na data da inscrição, e ter formação, ou estar cursando os cursos de Licenciatura, Pedagogia, Normal Superior, ser Especialista ou Pós graduado em Gestão Escolar, independentemente da graduação.

    Readmore
  • Secretário de Educação fala sobre fechamento de escola e novas unidades de creche


    Readmore
  • Sem grandes surpresas, prefeito Junynho Martins anuncia secretariado


    Readmore
  • Veja quais vereadores mudaram de opinião entre a votação dos projetos do aterro sanitário


    Readmore