All for Joomla All for Webmasters

Hospital São Judas Tadeu

  • Exames laboratoriais


    A Clínica de Diagnósticos São JoséEireli venceu o pregão realizado pela Prefeitura de Ribeirão das Neves cujo objeto era a contratação de empresa para a realização de exames laboratoriais no município. O total do contrato: R$ 6.934.584,24 (seis milhões, novecentos e trinta e quatro mil, quinhentos e oitenta e quatro reais e vinte e quatro centavos).

    O blog tentou localizar o edital no site da Prefeitura para saber a qual período se refere o contrato acima, mas não encontrou o documento.

    No início do ano, a Secretaria Municipal de Saúde já havia contratado a Clínica São José, com dispensa de licitação, para instalar um laboratório de análises clínicas em comodato no município dentro do Hospital São Judas Tadeu pelo valor de R$ 2 milhões nos seis meses de vigência do contrato.

    Atualização: o blog verificou que não houve disputa de lances no pregão, sendo adjudicado o contrato pela proposta inicial apresentada pela empresa. Além disso, a Clínica São José não discriminou os valores unitários dos exames, conforme consta da ata da sessão do pregão.

    Readmore
  • Governo Federal anuncia repasse de R$ 2 milhões para recuperação de unidades de saúde


    O ministro das Cidades, Alexandre Baldy, o ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, e o governador Fernando Pimentel (PT) sobrevoaram a cidade de Ribeirão das Neves nesta segunda-feira (4) para avaliar os impactos da tempestade da última quarta-feira (29).

    Após o sobrevoo, os ministros e o governador visitaram, na companhia do prefeito Junynho Martins (PSC) e do vice-prefeito Vitório Junior (PDT), a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Joanico, a Escola Municipal Maria Vieira Barbosa (Caic) e o Hospital São Judas Tadeu, todos bastante afetados pelos temporais. A cidade decretou situação de emergência na última quinta-feira (30) depois de ser atingida por granizo.

     

    Foto: Manoel Marques / Imprensa MG

     

    Alexandre Baldy falou da preocupação com a população mineira que teve prejuízo com as chuvas. "Viemos acompanhar a situação dos municípios da Grande Belo Horizonte que foram atingidos para definir a melhor forma de poder ajudar", disse. Após tomar conhecimento das reais necessidades dos municípios que foram decretados em estado de emergência, o Ministério das Cidades vai definir as ações que poderão ajudar na recuperação dessas cidades.

    O ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, explicou a ação do governo. "Nós estamos apenas aguardando a conclusão das informações para que haja o reconhecimento nacional da situação de emergência. A partir de amanhã, Ribeirão das Neves estará com situação já reconhecida porque esse município é o que está mais adiantado nesses dados. E na sequência, estaremos recebendo quais as demandas financeiras para primeiro restabelecer a normalidade dessas cidades. Em seguida, viabilizar recursos para reconstrução", ressaltou.

    Fernando Pimentel lembrou que a liberação de recursos depende da decretação de estado de calamidade por parte dos municípios. "Os dois ministros vieram justamente para atender essa situação de emergência em que estamos entrando agora. O que estamos discutindo são providências que vão ter que ser tomadas. A Defesa Civil estadual já está mobilizada", explicou.

     

    Foto: Divulgação / PMRN

     

    A comitiva do governador e dos ministros foi acompanhada por vereadores, deputados estaduais e federais, além de representantes dos governos estadual e federal, dentre outros.

    Recursos

    Durante a inspeção, representantes do Governo Federal anunciaram que ainda neste mês um repasse de R$ 2 milhões será enviado ao município para recuperação das unidades de saúde atingidas pela chuva. Além disso, cerca de R$ 450 mil serão destinados para ações emergenciais em Ribeirão das Neves.

     

     

    Foto: Divulgação / PMRN

     

    Readmore
  • Hospital São Judas Tadeu continua atendendo casos de urgência e emergência


    Apesar da informação veiculada nessa terça-feira (5) sobre a interdição do Hospital São Judas Tadeu pelo Corpo de Bombeiros, a unidade hospitalar continua funcionando no atendimento de casos de urgência e emergência.

    De acordo com o Corpo de Bombeiros, de fato foi feita a vistoria pela corporação, onde foram apontadas diversas falhas no sistema de segurança do hospital, o que gerou apenas um notificação para correção dos problemas, e não de interdição, uma vez que as pendências não apresentam risco iminente aos usuários.

    De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, apenas o 3º andar continua fechado em função do destelhamento ocorrido pelas chuvas da última semana.

    ERRAMOS

    A informação de que o Corpo de Bombeiros teria recomendado o fechamento da unidade foi dada inicialmente pela Prefeitura no início da noite dessa terça. Assim como o RibeiraoDasNeves.net, diversos órgãos de imprensa de Minas Gerais chegaram a veicular a informação equivocada.

    Readmore
  • Menino queimado é socorrido no Hospital São Judas Tadeu; avô é suspeito do crime


    Um menino de 8 anos foi socorrido no Hospital São Judas Tadeu depois de ter boa parte do corpo queimado, nessa segunda-feira (6), em Esmeraldas. O avô materno, que está sumido, é suspeito do crime.

    De acordo com a Polícia Militar (PM), a mãe da vítima contou aos policiais que deixou o garoto com o pai dela para levar outra filha a um hospital, em Belo Horizonte, quando foi informada que o menino havia sido queimado.

    A vítima foi socorrida em Ribeirão das Neves e, em seguida, acabou transferido para o Hospital de Pronto Socorro (HPS) João XXIII, no centro da capital mineira, onde contou à mãe que o avô havia jogado álcool em seu corpo e ateado fogo.

    A motivação do crime não foi esclarecida. O caso será investigado pela Polícia Civil.

    Readmore
  • Ministro da Saúde em Neves


    O ministro da Saúde, Ricardo Barros, tem uma agenda marcada em Ribeirão das Neves na semana que vem. O mandatário deve se encontrar com autoridades locais, dentre elas o prefeito Junynho Martins (PSC), na Cidade dos Meninos, na próxima segunda-feira (4).

    Readmore
  • Prefeito abre tomada de contas especial sobre irregularidades em contrato de consórcio de saúde


    O prefeito Junynho Martins (PSC) instituiu, via Portaria Nº 47/2017, publicada no Diário Oficial dos Municípios Mineiros (DOMM), uma Comissão de Tomada de Constas Especial para instaurar procedimento interno de apuração de irregularidades apontadas na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) Nº 078/2016, conhecida como CPI da Saúde, que apontou irregularidades na execução do contrato firmado entre o município de Ribeirão das Neves e o consório ICISMEP.

    O consórcio mantinha contrato com o município para disponibilizar médicos na rede pública e foi pivô de uma série de fatos no ano passado, quando profissionais chegaram paralisaram as atividades no município responsabilizando a Prefeitura por atraso nos repasses ao ICISMEP, fato que provocou a instalação da CPI na Câmara Municipal.

    A comissão será formada por servidores de diversas secretarias e terá prazo de 90 dias para apuração dos fatos, identificação dos responsáveis e quantificação do dano decorrente, especificamente referente à paralisação das atividades da UPA Joanico Cirilo de Abreu e do Hospital São Judas Tadeu.

    No fim de 2016, os vereadores terminaram os trabalhos da CPI da Saúde e entraram com uma ação no Ministério Público com o relatório do que foi apurado na ocasião.

    Tomada de Contas Especial (TCE)

    A tomada de contas especial é um processo administrativo devidamente formalizado, com rito próprio, para apurar responsabilidade por ocorrência de dano à administração pública a fim de obter o respectivo ressarcimento. Essa dinâmica tem por base a apuração de fatos, a quantificação do dano, a identificação dos responsáveis.

     

    Readmore
  • Prefeito anuncia reforma no hospital São Judas Tadeu; unidade vai manter atendimento à população


    O prefeito Junynho Martins (PSC) utilizou as redes sociais nesta quarta-feira (26) para anunciar uma reforma no Hospital São Judas Tadeu, em Ribeirão das Neves. O chefe do Executivo afirmou que a intervenção não vai comprometer o atendimento à população.

    De acordo com o prefeito, serão feitos reparos no telhado, nunca antes reformado, e na parte hidráulica, que estava apresentando inúmeros problemas, além de piso e pintura novos.

    Junynho pediu compreensão da população e afirmou que a obra tratá melhorias para os nevenses. "Toda obra gera um pouco de transtorno, (quero) pedir a vocês um pouquinho de paciência. Em torno de 30 dias estaremos entregando um hospital novo", afirmou.

    A reportagem solicitou à Prefeitura detalhes sobre a reforma, como o projeto que será executado, o orçamento e a fonte de recursos, mas não obteve retorno.

    Readmore
  • Reunião termina em acordo e Prefeitura anuncia retorno dos trabalhos na maternidade


    A Prefeitura de Ribeirão das Neves e os médicos que anunciaram a paralização neste fim de semana no atendimento da maternidade do Hospital São Judas Tadeu chegaram a um acordo durante reunião na tarde desta sexta-feira (15) para o restabelecimento dos serviços na unidade hospitalar.

    De acordo com a Prefeitura, uma das parcelas que estava em aberto foi quitada com o ICISMEP, consórcio conveniado que faz a gestão dos profissionais, e uma reunião foi agendada para a próxima quarta-feira (20), juntamente com o sindicato da categoria, para acertar o cronograma de pagamento do restante dos repasses em aberto.

    Assim, os profissionais se comprometeram a restabelecer as atividades e as gestantes poderão ser atendidas normalmente durante o fim de semana.

     

    Readmore
  • UPA Joanico volta a abrir as portas à população; hospital ainda restrito às urgências


    Depois de ficar aproximadamente 10 dias fechada devido à tempestade do fim de novembro, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Joanico Cirilo de Abreu, no Centro de Ribeirão das Neves, retomou o atendimento à população no último final de semana.

    De acordo com a Prefeitura, a unidade recebeu profissionais e pacientes que estavam no Hospital São Judas Tadeu para atender clínica médica, ortopedia e cirgurgia ambulatorial de urgência.

    O hospital continua atendendo apenas casos de urgência e emergência, com risco eminente de morte. A pediatria que era feita no São Judas Tadeu passa a atender na UPA Justinópolis.

    Depois do desastre, o município já recebeu sinalização do Governo Federal de que irá receber mais de R$ 3 milhões para recuperar as unidades de saúde atingidas pelas chuvas, sendo R$ 2 milhões anunciados na última segunda-feira (4) e R$ 1 milhão pelo presidente Michel Termer na última quinta (7).

    Readmore