All for Joomla All for Webmasters

Presídio Inspetor José Martinho Drumond

  • 1.800 presos do PCC


    De acordo com os deputados da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), o projeto do Governo do Estado prevê a transferência de 1.800 presos do PCC para o presídio José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves.

    Readmore
  • Agentes impedem entrada de drogas e celulares no presídio José Martinho Drumond


    Agentes da penitenciária Inspetor José Martinho Drumond impediram, nesse domingo (4), que duas mulheres entrassem com drogas e aparelhos celulares no presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap).

    De acordo com a Seap, os agentes encontraram 11 porções de maconha com as duas visitantes. As mulheres, de 27 e 36 anos, foram autuadas em flagrante por tráfico de drogas. Elas estavam cadastradas como união estável de dois presos e aproveitaram o dia de visita para levar os entorpecentes.

    Ainda segundo a pasta, ambas foram descobertas durante a revista. Os detentos responderão por falta grave e serão submetidos à Comissão Disciplinar, além de responderem como coautores por tráfico.

    Readmore
  • Agentes penitenciários evitaram fuga no presídio José Martinho Drumond, diz Seap


    Agentes de Segurança Penitenciários do presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves, impediram uma fuga de presos no dia 3 de fevereiro, após uma ação de vistoria em todas as celas da unidade prisional. A informação foi divulgada pela Secretaria de Administração Prisional (Seap) apenas nesta quarta-feira (7).

    De acordo com a pasta, os agentes que atuam nas guaritas da unidade detectaram um barulho estranho vindo dos fundos da cela e informaram o Coordenador de Segurança, que acionou o setor de Inteligência e o Grupo de Intervenção Rápida (GIR) para realizar uma vistoria geral.

    Durante o procedimento em uma das celas, a equipe do GIR encontrou um buraco que daria acesso a um portão trancado. Foram apreendidos também um facão artesanal e uma teresa (corda feita com tiras de cobertor trançado).

    Para o Secretário de Estado de Administração Prisional, Francisco Kupidlowski, a ação dos servidores representa profissionalismo e dedicação ao trabalho desempenhado. "Esta ação deve servir de exemplo para todos os Agentes Penitenciários do Estado. Exercer de forma zelosa as atividades diárias faz com que a segurança seja garantida nas unidades prisionais, refletindo na segurança dos servidores, presos e comunidade", afirmou o Secretário.

    Os presos envolvidos na ocorrência foram removidos para outras celas. A Polícia Civil realizou perícia técnica no local para apurar os fatos no âmbito criminal e a direção do presídio instaurou um procedimento interno para apurar administrativamente as circunstâncias do ocorrido.

    Readmore
  • ALMG marca audiência para discutir a transferência de presos do PCC para Ribeirão das Neves


    A possível transferência de presos vinculados à facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) para o Presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves, será discutida na próxima quinta-fera (29), às 14h30, no Plenarinho IV da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

    O debate acontece na Comissão de Segurança Pública, a requerimento do seu presidente, deputado Sargento Rodrigues (PTB), que assina o pedido ressaltando a gravidade da proposta, denunciada à comissão pelo deputado João Leite (PSDB).

    "O presídio Inspetor José Martinho Drumond foi criado para receber presos provisórios, suas instalações físicas e de segurança não estão preparadas para presos do nível de periculosidade e de organização do PCC, sendo muito grande o risco de uma fuga em massa. A concepção dessa ideia, esdrúxula, é por si só absurda e irresponsável", criticou João Leite.

    O município de Ribeirão das Neves já tem se mobilizado contra a transferência de presos oriundos da organização criminosa, inclusive por meio de coleta de assinaturas contrárias à medida, feita por meio do site da prefeitura.

    Para a discussão na ALMG, são vários os convidados, entre eles o secretário de Estado de Segurança Pública, Sérgio Barboza Menezes, e representantes das Polícias Militar e Civil do Estado e da Polícia Federal. Foram chamados ainda membros do Ministério Público, além do governador eleito Romeu Zema e de prefeitos de vários municípios da RMBH, além de Ribeirão das Neves.

    PCC Não

    Organização criminosa com atuação em grande parte dos estados brasileiros e países próximos, o PCC é conhecido por comandar rebeliões, assaltos, sequestros, assassinatos e narcotráfico. Desde o dia 18 de outubro, a Prefeitura de Ribeirão das Neves disponibiliza em seu site o movimento "PCC Não, Assine por Neves", que está recolhendo assinaturas on-line contra a transferência de presos da facção, conforme estaria sendo articulado pelo Executivo Estadual.

    O prefeito Junynho Martins (PSC) esteve na última segunda-feira (19) em contato com os prefeitos da Região Metropolitana, durante reunião da Granbel e abordou o tema com os colegas, lembrando que Ribeirão das Neves detém hoje a maior concentração de presídios do Estado de Minas Gerais e que a cidade já paga um alto preço por isto. Segundo o prefeito, "Não bastasse o impacto desta realidade sobre o sistema de segurança há, ainda, o prejuízo irreparável na imagem do município, gerado pelas ações do Estado que jamais compensou Ribeirão das Neves por tal situação", disse.

    O prefeito também afirmou que tem esperanças de que, através de medidas como a Audiência Pública a ser realizada, vá sendo formada uma consciência da realidade brutal que essa possível implantação poderia gerar. "Existem soluções diferenciadas que podem ser tomadas sem causar mais este prejuízo para Neves, esclarece Junynho Martins. Não aceito, não aceitarei e vou lutar contra isto até o limite de minhas forças, até esgotar os últimos recursos", salientou o prefeito.

    Readmore
  • Detento é flagrado com droga no intestino ao retornar de saída temporária


    Um detento foi pego por agentes prisionais nessa segunda-feira (23) ao tentar entrar com porções de droga no intestino no presídio José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves.

    Segundo o boletim de ocorrência, Vagner Oliveira de Souza, de 36 anos, já vinha sendo monitorado. Ao retornar de uma saída temporária, ele foi colocado em um aparelho que faz uma espécie de raio-X do corpo, que detectou que ele levava objetos no intestino.

    O preso passou então a ser vigiado até que expeliu 56 porções de drogas. No total, foram encontradas 47 porções de maconha, cinco de cocaína e quatro de crack. O detento agora vai responder a processo por tráfico de drogas.

    Readmore
  • Detentos fogem de presídio José Martinho Drumond durante horário de trabalho


    Dois detentos fugiram do Presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves, nesse sábado. De acordo com a Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap), os dois presos, que cumpriam pena em regime semiaberto, cortaram uma tela de arame durante horário de trabalho na horta da unidade.

    Segundo a Seap, o local está situado fora das muralhas do presídio. A secretaria informou que a direção da unidade vai instaurar uma investigação preliminar para apurar administrativamente o ocorrido. Um agente penitenciário relatou que era o único responsável por mais de dez presos que realizavam serviços na unidade e, ao constatar a fuga, comunicou a coordenação da segurança do presídio e uma equipe tentou, com ajuda de cães farejadores, localizar os foragidos na mata.

    De acordo com a Seap, os foragidos, de 30 e 56 anos, ainda não foram localizados até o momento.

    Readmore
  • Detentos fogem do presídio José Martinho Drumond durante a madrugada


    Seis detentos fugiram do Presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves, durante a madrugada desta sexta-feira (31).

    De acordo com a Polícia Militar (PM), os presos serraram as grades do Pavilhão 4 para escapar da cela. Os agentes responsáveis pela ronda também encontraram cordas presas aos muros da unidade prisional.

    A Secretaria de Administração Prisional (Seap) emitiu nota à imprensa confirmando o incidente e informou que vai apurar as circunstâncias da fuga. Até a manhã desta sexta, ninguém havia sido recapturado.

    Readmore
  • Em audiência na ALMG, população nevense se mostra contra vinda de membros do PCC


    Centenas de nevenses compareceram à Audiência Pública na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) nesta quinta-feira (29) para dizer não à transferência de presos ligados ao PCC para Ribeirão das Neves. Com vários cartazes, os moradores repudiaram os planos do Governo de Minas de transferir para a cidade detentos da maior facção do crime organizado do Brasil.

    O prefeito Junynho Martins (PSC), o vice Vitório Junior (PDT), vereadores, juízes, promotores e delegados da Comarca, também se posicionaram contra a ideia. Muitos deles questionaram a ausência de representantes do Executivo, especialmente das Secretarias de Estado de Segurança Pública (Sesp) e de Administração Prisional (Seap).

    O presidente da comissão e autor do requerimento para a audiência, deputado Sargento Rodrigues (PTB), afirmou que o governo oculta informações sobre a fragilidade do presídio em Neves, que não ofereceria segurança para abrigar presos perigosos. Na opinião do deputado, se fossem transferidos, os detentos conseguiriam, com o tempo, dominar as outras unidades de Neves. "As famílias desses presos também vão se mudar para o entorno. E, no final, o PCC vai dominar o crime na Região Metropolitana", previu.

    O deputado João Leite (PSDB) reforçou a existência dos planos de transferência, reforçando o risco que o PCC traz para Minas. "Já atuam até no Paraguai. De dentro das celas, controlam o crime. Se aceitarmos, toda a RMBH será atingida", alertou. E reagiu contra a proposta: "Agradeço à população de Neves: vocês não estão defendendo só a cidade, mas toda a Região Metropolitana".

    O prefeito Junynho Martins destacou que a audiência na ALMG é um gesto de repúdio da população local. "Neves já está cansada de ser tratada como a lata de lixo de Belo Horizonte", protestou. Ele considera que o município já deu sua contribuição ao sistema prisional, tendo hoje a maior população carcerária de Minas – cerca de 10 mil presos. Na avaliação dele, o Estado tem agora que pagar sua dívida com a cidade, levando empresas, faculdades públicas e outros investimentos.

    Veja a reportagem:

     

    Readmore
  • Membros de facção criminosa são julgados em BH; presídios nevenses servem de estadia


    A Justiça mineira começou a julgar nesta segunda-feira, no Fórum Lafayette, em Belo Horizonte, 28 membros da facção paulista Primeiro Comando da Capital (PCC), acusados de assassinatos, tráfico de drogas, formação de quadrilha e ordenamentos de queimas de coletivos.

    O julgamento, que já é considerado o maior da história do Estado, deve terminar somente na sexta-feira (30). Até lá, os presos devem ficar pelo menos alguns dias em Ribeirão das Neves. Eles estavam em regime diferenciado no presídio de segurança Máxima Francisco Sá, no Norte de Minas.

    Um forte aparato de segurança está sendo utilizado pela Polícia Militar e conta com o apoio das tropas especializadas como Rotam e Bope para o acompanhamento e transporte dos presos.

    A informação é de que no sábado (24), os detentos foram alojados no presídio Inspetor José Martinho Drumond. Ao fim da tarde desta segunda-feira (26), eles foram encaminhados para a penitenciária Antônio Dutra Ladeira.

    O RibeiraoDasNeves.net tentou contato com a Secretaria de Administração Prisional (Seap) para comentar o fato, mas por questões de segurança não foi informado em quais presídios eles ficarão durante os dias do julgamento.

    Readmore
  • Prefeitura lança petição pública contra vinda de facções criminosas para presídio nevense


    A Prefeitura de Ribeirão das Neves divulgou nessa semana uma petição pública na internet contra um projeto que estaria tramitando na Secretaria de Estado de Administração Prisional (SEAP) para transformar o presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves, em uma unidade exclusiva para presos de facções criminosas, como o PCC.

    De acordo com o texto da petição, o Governo de Minas Gerais estaria conduzindo o projeto de forma sigilosa para pegar o município de surpresa. A administração municipal classificou a ção como "maléfica" e que apenas contribui para manchar a imagem do município, mostrando "desprezo com nossa população". Quem tiver o interesse de assiná-la, a petição está disponível aqui peticao.ribeiraodasneves.mg.gov.br.

    Os rumores sobre o polêmico projeto surgiram nas últimas semanas. Alguns vereadores utilizaram o púlpito da Câmara Municipal para condenar o projeto. Há informações de que o Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG) estaria monitorando o caso.

    O RibeiraoDasNeves.net procurou a SEAP para se posicionar sobre o caso. Num primeiro momento, ainda no mês de Setembro, a pasta informou que "ações de planejamento e gestão prisional não são divulgadas, por razões de segurança". Já nesta semana, o órgão afirmou que a informação não procede.

    De forma extraoficial, algumas lideranças do sistema penitenciário afirmam que a proposta para o presídio nevenses realmente existe, mas que, neste fim da gestão do governador Fernando Pimentel (PT), que não conseguiu a reeleição, o tema não deve ter sequência neste ano.

    Veja a íntegra da petição:

    O governo do Estado de Minas Gerais mais uma vez demonstra seu desrespeito e descaso com Ribeirão das Neves. Já se encontram bastante adiantados na Secretaria de Estado de Administração Prisional, os projetos que objetivam tornar a Penitenciária Martinho Drumond em uma “unidade faccional”. Isto significa: transformar aquela cadeia em presídio exclusivo para presos de facções criminosas, como o PCC.
    É um projeto que vem sendo conduzido de forma sigilosa e visa, mais uma vez, pegar nosso município de surpresa, como já ocorreu em situações anteriores. Neves queria contar com projetos do Governo de Minas que gerassem mais oportunidades, maior atração de empresas,que trouxessem emprego e renda para nossa gente. Esta intervenção maléfica, que apenas contribui para manchar a imagem do Município, é uma sinalização de franco desprezo com nossa população.
    Pedimos a todos aqueles que vivem em Neves e que amam nossa cidade, que nos ajudem a lutar contra a vinda destas facções criminosas para nosso município.

     

    Readmore
  • Visitantes são presas suspeitas de tentar entrar com droga em presídio nevense


    Sete mulheres e uma travesti foram presas nesse domingo (5) suspeitas de tentar entrar com droga no Presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves.

    Imagens de segurança mostram as oito detidas que tinham ido visitar presos diferentes. O scanner corporal utilizado para substituir revistas íntimas detectou a presença da droga nos corpos das visitantes.

    A Polícia Civil não divulgou o material apreendido. Um detento também foi levado à delegacia de Ribeirão das Neves para prestar esclarecimentos.

    Readmore