All for Joomla All for Webmasters

Social

A regra atual é clara: se puder, fique em casa. Mas e aqueles que não têm aonde ficar ou que precisam de algum tipo de ajuda? Sem comércios totalmente abertos e com menos pessoas circulando nas ruas, o acesso às doações ficou mais difícil. Pensando nas pessoas em situação de rua e vulnerabilidade social, a Cidade dos Meninos, instituição que integra o Sistema Divina Providência, uniu forças com empresários e está entregando 650 marmitas diariamente para as pessoas mais necessitadas.

De acordo com Damaris Souza, nutricionista da instituição, as refeições são preparadas com todo o cuidado e acompanhamento nutricional. "A nossa meta é continuar ajudando o maior número de pessoas, pois sabemos que há muitos necessitados. Tudo é feito com muito carinho e com todo o cuidado necessário. E para que não haja aglomeração na porta da nossa unidade, as marmitas estão sendo distribuídas em locais de grande vulnerabilidade social", afirma.

Antônio Benvindo, analista de comunicação da instituição, ressalta que todo o trabalho só é possível através de doações. “Contamos com ajuda de empresário e de diversas pessoas que nos ajudam com doações de mantimentos como arroz, feijão, óleo, macarrão, carne, entre outros. Tudo é muito bem-vindo”, finaliza.

As marmitas são distribuídas em Ribeirão das Neves e Belo Horizonte. Aqui, uma parte vai para os acompanhantes de pessoas internadas no Hospital São Judas Tadeu e outra é distribuída em locais com alto índice de vulnerabilidade social, como nos bairros Rosaneves, Santa Matilde e na Vila Hortinha.

As doações podem ser feitas através de deposito ou transferência bancária para:

Banco: Itaú
Titular: Associação de Promoção Humana Divina Providência
CNPJ: 00.981.069/0006-58
AG: 6572
C/C: 60880-7

 

0
0
0
s2smodern

Social

A Prefeitura de Ribeirão das Neves divulgou, nesta segunda-feira (18), o edital para a realização do Processo Seletivo Simplificado (PSS) nº 001/2020 visando a contratação imediata e cadastro de reserva de candidatos para o cargo de visitador para atuar no Programa Primeira Infância, no Sistema Único de Assistência Social (SUAS).

De acordo com o edital, os candidatos, que devem ter ensino médio completo, serão convocados para ocupar cargo nas unidades dos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) determinados pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Cidadania (SMDSC). O salário para o cargo de visitador é de R$ 1.250,00 para uma jornada de 40 horas semanais.

As inscrições serão realizadas via internet, pelo preenchimento do formulário de inscrição disponibilizado no site www.ribeiraodasneves.mg.gov.br, entre os dias 22 de maio e 1º de junho. Os candidatos devem preencher as informações de inscrição e os requesitos relacionados à titulação e experiência profissional.

Os candidatos serão classificados por ordem decrescente de pontuação, e deverão, no ato da convocação, comprovar documentalmente os títulos e experiências informadas na inscrição. A quantidade de vagas não foi definida previamente no edital.

O contrato de trabalho terá prazo máximo de 1 ano, podendo ser prorrogado uma única vez, sem exceder o prazo total de 4 anos. A contratação, conforme edital, não gera estabilidade contratual do profissional com a Administração Municipal.

A íntegra do edital está disponível no site da Prefeitura de Ribeirão das Neves.

 

0
0
0
s2smodern

Social

Um dia para ficar na história da vida de 42 casais de Ribeirão das Neves. Assim foi a sexta-feira (6), data em que a Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG) realizou a segunda edição do Casamento Comunitário na comarca, realizado no auditório da Cidade dos Meninos.

A cerimônia, preparada com a participação de diversos parceiros, além de proporcionar base legal e segurança jurídica para a família, presenteou a todos com o sentimento de amor e solidariedade que marcou o momento. As noivas começaram os preparativos logo cedo, no Instituto Embelleze, onde ganharam maquiagem profissional e penteado especial. Lá mesmo colocaram os vestidos de casamento, disponibilizados gratuitamente pela Gislene Lourdes Madrinha do Coração, e tiveram a primeira sessão de fotos do dia.

A celebração foi completa. Teve entrada dos noivos, pajens e damas no tapete vermelho, marcha nupcial executada pela Banda da Aeronáutica, ornamentação especial, bolo fake, cenários para fotos dos casais, cabine de fotos instantâneas, troca de alianças, benção ecumênica e sorteio de presentes.

O defensor público-geral do Estado, Gério Patrocínio Soares, destacou que o Casamento Comunitário "traz o afeto e o fortalecimento dos laços familiares e possibilita o acesso à realização do sonho de muitas pessoas". Aos noivos, Gério Patrocínio agradeceu a confiança depositada na Defensoria Pública de Minas e desejou, em nome da Instituição, "uma vida repleta de alegria e com uma família muito unida".

 

Com informações da Defensoria Pública de Minas Gerais.

0
0
0
s2smodern

Social

Um grupo composto por candidatos à eleição do Conselho Tutelar, realizada em outubro, se uniu para pedir na Justiça a anulação do processo e a realização de uma nova votação para a escolha de Conselheiros Tutelares em Ribeirão das Neves para o período 2020/2024. O "Juntos Somos mais Fortes" argumenta que houve várias irregularidades durante o todo o processo.

De acordo com o grupo, foram encaminhadas ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), responsável por conduzir o processo, denúncias com indícios de compras de votos, de boca de urna, de propaganda irregular, de candidatos assumindo seções de votação, transporte de eleitores, dentre outros.

Outro ponto que incomodou os candidatos foi a organização das seções eleitorais. Segundo eles, foi disponibilizada uma única sala nas escolas onde foram instaladas as seções eleitorais, o que gerou filas enormes que "impossibilitou a população de exercer seu direito de votar".

No processo, apresentado ao Ministério Público e à Justiça, o grupo anexou supostas provas de divulgação irregular de candidaturas, vinculação político-partidária da candidatos e transporte de votantes, e requereu que o processo seja anulado e o resultado suspenso, acionando judicialmente o prefeito Junynho Martins (PSC) e Ana Maria de Castro, presidente do CMDCA.

Contraponto

Em nota, a Secretária Municipal de Desenvolvimento Social e Cidadania, Gláucia Brandão, destacou que a responsabilidade e a coordenação do processo é do CMDCA, e não do Poder Executivo Municipal. Ela apontou que, ao todo, foram recebidos 22 recursos e 1 denúncia, que, segundo a secretária, foram devidamente analisados e indeferidos pela comissão. "É importante esclarecer ainda que a denúncia foi apresentada contra candidatos ao processo de escolha, e não referente a vícios do mesmo", destacou.

Sobre a possibilidade de que a eleição seja anulada, a secretária afirmou não enxergar essa hipótese. "(Como) os recursos e denúncia apresentados foram indeferidos por ausência de provas e evidências que identificassem irregularidades, não vislumbramos a possibilidade de anulação do mencionado processo".

O RibeiraoDasNeves.net tentou contato com o CMDCA, mas não obteve sucesso.

0
0
0
s2smodern

Social

A Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG) abre na próxima segunda-feira (21) as inscrições para mais uma edição do Casamento Comunitário no município de Ribeirão das Neves. A cerimônia será no dia 6 de março de 2020, quando será formalizada, de forma gratuita, a união de até 60 casas residentes na comarca.

A ação extrajudicial de alcance social da DPMG busca tornar possível ao cidadão, principalmente ao vulnerável, o pleno exercício da cidadania. O objetivo é promover a regularização jurídica de casais, que ainda não têm a união oficializada, legitimando a sua vida conjugal, garantindo a inclusão social e resgatando, entre outros, a autoestima.

A cerimônia será realizada na Cidade dos Meninos e contará com benção ecumênica e entrega das certidões de casamento, além do sorteio de presentes para os noivos. Todos os casais receberão bem casados e doces em comemoração. A iniciativa é realizada em parceria com o Cartório de Registro Civil das Pessoas Naturais de Ribeirão das Neves e de Justinópolis e conta com o apoio de diversos parceiros.

Como participar

As pessoas que desejarem realizar o sonho de se casar, mesmo aquelas que já vivem em união estável, deverão fazer o cadastro entre os dias 21 de outubro e 8 de novembro, de segunda a sexta-feira, de 13h às 16h30, na Defensoria Pública de Ribeirão das Neves, localizada na rua José Bonifácio Nogueira 252, bairro São Pedro. Não haverá atendimento para inscrições no dia 28 de outubro em decorrência de feriado no serviço público.

Os documentos necessários para habilitação no processo são identidade, CPF, comprovante de residência, comprovante de renda (até 2 salários mínimos por casal) e certidão de nascimento/ casamento atualizada (expedida há menos de 90 dias).

Serão oferecidas vagas para 60 casais. O evento gratuito é voltado para casais residentes em Ribeirão das Neves e que não têm condições de arcar com as taxas devidas aos cartórios.

A Defensoria Pública fará as inscrições e, estando os documentos em ordem, a habilitação para o casamento será feita pelo Cartório de Registro Civil das Pessoas Naturais do município de Ribeirão das Neves e de Justinópolis.

Apoio

Além da parceria com o Cartório de Registro Civil das Pessoas Naturais de Ribeirão das Neves e de Justinópolis, a iniciativa conta com o apoio da Cidade dos Meninos. O evento é realizado por meio da Unidade da Defensoria Pública em Ribeirão das Neves, com o apoio da Coordenadoria de Projetos, Convênios e Parcerias (CooProC).

0
0
0
s2smodern

Social

A Cidade dos Meninos realizará no sábado, dia 13 de julho, de 9h às 17h, mais uma edição da "Ação Solidariedade", que oferecerá serviços gratuitos e de utilidade pública para os cidadãos de Ribeirão das Neves.

Atendimentos jurídicos, orientação para elaboração de currículos, teste vocacional, dicas para controlar suas finanças e para como se comportar em uma entrevista de emprego, emissão de carteira de trabalho e de carteira de identidade, cadastro de "Jovem Aprendiz", cadastro de empregos, dentre outros, serão algumas das atividades ofertadas. Também acontecerão atendimentos na área da saúde, como medição de pressão, atendimento oftalmológico, parasitologia, vacinação, orientação para o controle do IMC, atendimentos psicológico e odontológico.

Além disso, a Ação Solidariedade também cuidará da beleza da população, através dos serviços de corte de cabelo, de depilação de buço, de design de sobrancelha, de maquiagem e de barbearia, tudo gratuito.

Para o público infantojuvenil, serão várias atividades recreativas e para os amantes dos animais haverá uma feira de adoção de cães.
Informações do evento no Facebook.

0
0
0
s2smodern

Social

Duzentos e cinquenta crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, com idades entre 10 e 16 anos, serão beneficiadas anualmente com um programa de desporto educacional que será implantado em decorrência de um acordo judicial firmado entre o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), o Ministério Público do Trabalho (MPT) e o América Futebol Clube (AFC). O projeto prevê que crianças e adolescentes de Belo Horizonte e Ribeirão das Neves participem de escolas de futebol como forma de inclusão social.

Com a homologação do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), multas aplicadas ao América, referentes a diversos processos judiciais, serão consideradas quitadas. O valor das multas é de aproximadamente R$ 20 milhões.

A partes envolvidas no acordo se reuniram nessa segunda-feira (24), na Procuradoria-Geral de Justiça, em Belo Horizonte. De acordo com o MP, em novembro 2009 foi proposta uma Ação Civil Pública pelos Ministérios Públicos de Minas Gerais e do Trabalho contra o América, na qual foram formulados diversos pedidos à Justiça, incluindo a não contratação de atletas menores de 14 anos. A ação foi julgada procedente, e o América foi condenado. Depois disso, os Ministérios Públicos ajuizaram uma Ação de Execução para cobrar a multa imposta e também o descumprimento das obrigações impostas pela Justiça. Como o clube demonstrou dificuldade para quitar a multa de aproximadamente R$ 20 milhões, o MP propôs um TAC para por fim à execução.

O projeto

O projeto a ser implementado pelo América deverá ter início em agosto de 2019, terminando em julho de 2024. As crianças e adolescentes contemplados, entre meninas e meninos, serão indicados pelos órgãos de assistência social dos municípios de Belo Horizonte e de Ribeirão das Neves, sendo, respectivamente, 205 e 45 participantes, totalizando 250.

A meta é dar oportunidades às crianças e adolescentes oriundos do sistema socioeducativo, vítimas resgatas em situação de trabalho infantil ou indicadas pelos Centros de Referências de Assistência Social (Cras) e também pelos Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas) dos respectivos municípios. Os Ministérios Públicos e o municípios ficarão responsáveis por fiscalizar o andamento do projeto.

As aulas serão realizadas duas vezes por semana, de manhã e à tarde. O América deverá fornecer os espaços adequados, devidamente ambientados para a prática esportiva. O clube ficará responsável por fornecer uma equipe mínima de profissionais, sendo um professor de educação física, um administrador e um coordenador-geral. Além disso, deverá providenciar o transporte das crianças e adolescentes, ida e volta, lanche com cardápio elaborado por nutricionista, uniformes e chuteiras.

O América deverá, ainda, realizar campanhas contra o trabalho infantil e contra a exploração sexual de crianças e adolescentes na periodicidade de um jogo oficial do time profissional por mês pelos próximos cinco anos. Serão organizados ainda ciclos de palestras em cada localidade ou entorno dos municípios beneficiados. Deverão participar profissionais especializados levando às crianças e adolescentes temas relacionados à prática esportiva, auto-estima, disciplina e benefícios do esporte.

 

Com informações do Ministério Público de Minas Gerais.

0
0
0
s2smodern

Há mais de um ano, uma das maiores empresas de montagem de eventos de Minas Gerais e uma das cinco maiores do Brasil, a LSPRO começou uma parceria com a Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap) para empregar detentos de duas unidades prisionais de Ribeirão das Neves.

Atualmente, 30 internos do sistema prisional compõem o quadro de funcionários da empresa, mas neste tempo de parceria 70 presos já prestaram serviços para a LS. O quantitativo de internos do sistema prisional representa 25% do quadro total de colaboradores da firma. A cooperação deu tão certo que a empresa foi uma das primeiras a ganhar o Selo Resgata do Ministério da Justiça, certificação nacional para quem contrata mão de obra carcerária.

Outro destaque da parceria é a contratação de uma egressa transexual. A empresa figura como a primeira a dar oportunidade profissional para este público de egressos.

Para o superintendente interino de Trabalho e Ensino da Seap, Felipe Oliveira Simões, este é o retrato do resgate da dignidade e autoestima dos presos. "A contratação de uma pessoa trans reduz a transfobia e a discriminação, infelizmente ainda presentes na sociedade e na própria família. Trata-se de um público bastante estigmatizado e em situação de vulnerabilidade, e essa contratação completa o ciclo de ressocialização, com o retorno à sociedade de uma pessoa melhor", pontua Simões.

Foto: Bernardo Carneiro / Seap

Os presos trabalham em diversas atividades como serralheria, marcenaria, pintura, montagem de estruturas e carregamento de caminhões. Segundo a coordenadora geral da empresa, Alice Carvalho, um dos pontos levados em consideração para a instituição da parceria foi a proximidade da fábrica com as unidades prisionais de Neves.

"Para a empresa a parceria com a Seap é muito positiva. Além de todos os incentivos fiscais, o que é excelente para nós, vimos nesse trabalhador a oportunidade de resgatar e realizar uma ação social, ao evitar que eles voltem para o crime. Eles têm uma vontade de trabalhar e lutam por isso, sempre estão tentando melhorar. Acho que ainda há preconceito por parte dos empresários simplesmente por eles não conhecerem essa possibilidade direito. Os benefícios são muito maiores do que o investimento", afirma Alice.

De ex-presidiária transexual a chefe de equipe

Bárbara Côrrea, 29 anos, já foi presa sete vezes. Desde a infância era uma garota problemática e, na adolescência, foi detida pela primeira vez. Foi condenada a 18 anos de detenção. Não carregava consigo esperança e perspectiva de uma vida melhor. Por ser uma transexual e com várias passagens pela polícia, o mercado de trabalho era algo praticamente impossível para ela. Segundo ela, as portas sempre lhe eram fechadas e a necessidade de sobreviver fez com que ela entrasse para o mundo do crime.

Por uma coincidência do destino, acabou sendo transferida para o Presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves. No regime semiaberto, se candidatou para o trabalho e foi uma das primeiras selecionadas para a parceira com a LSPRO. "Quando eu cheguei aqui na empresa, eu não tinha expectativa nenhuma de sair do crime. Eu não tinha a mente que eu tenho hoje e também não tinha dimensão do tamanho da LSPRO e nem da minha capacidade de ressocialização", conta Bárbara.

Foto: Bernardo Carneiro / Seap

Seu primeiro trabalho na empresa foi na limpeza e cuidado das plantas. Aos poucos foi ganhando a confiança dos chefes e se destacando no trabalho. É o que conta a coordenadora geral: "Vimos nela o que precisávamos muito na questão da organização. Ela tinha um carinho muito grande pela empresa, zelava pela estrutura e tinha uma liderança perante aos outros presos e funcionários. Ela botava a mão na massa mesmo, chamava a atenção e mantinha a organização no galpão".

Quando recebeu seu alvará de soltura foi convidada a continuar trabalhando na empresa e, pela primeira vez, teve a carteira de trabalho assinada. Agora, Bárbara é auxiliar de conferente de qualidade de evento e gerente da equipe de internos. O cargo já lhe permitiu viajar para vários lugares do país.

"Hoje sou alguém e tenho sonhos. Descobri em mim a capacidade de mudar minha vida quando ganhei essa oportunidade. O meu orgulho é acordar todo dia cedo e saber que eu tenho que chegar à empresa e bater o meu cartão. Fui muito bem acolhida, como se eu tivesse em casa, e isso também ajudou na minha ressocialização. Comecei a me ver de outra forma e a mostrar para mim mesmo que eu era capaz".

O emprego também lhe deu a oportunidade de cuidar da família. Ela mora com o pai de 75 anos e é o sustento da casa. Duas barreiras foram vencidas, o preconceito por ser transexual e ex-presidiária. Mas Bárbara quer mais: pretende estudar e se aperfeiçoar ainda mais na profissão.

 

Com informações da Agência Minas.

 

0
0
0
s2smodern

A Defensoria Pública de Minas Gerais, em parceria com a Prefeitura Municipal de Ribeirão das Neves, promoveu na última sexta-feira (19) uma edição do Casamento Comunitário no município, oficializando a união de 50 casais.

A cerimônia, realizada no teatro da Cidade dos Meninos, contou com marcha nupcial executada por músicos da Polícia Militar, decoração especial, troca de alianças, benção ecumênica, entrega das certidões de casamento e sorteio de presentes. 

O defensor público-geral do Estado, Gério Patrocínio Soares, destacou a ação como uma oportunidade para concretizar sonhos e levar cidadania para a população. "Este é o nosso trabalho: trazer o acesso aos direitos para todos os cidadãos. Contem sempre com a Defensoria Pública", afirmou. 

Para o prefeito Junynho Martins (PSC), os valores inerentes ao casamento trazem "dignidade para cada casal, valorizando a constituição do bem maior na vida do cidadão, que é a família", destacou. 

De acordo com a Defensoria Pública, dois casais receberam simbolicamente as certidões de casamento, representando, cada um, os cartórios do município. Os demais casais receberam o documento após a solenidade.

0
0
0
s2smodern

Casos em acompanhamento: 6.561

Casos confirmados: 1.121

Casos em presídios: 264

TOTAL DE CASOS: 1.385

Óbitos confirmados p/ C0ovid-19: 26

Casos curados: 831

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de
Ribeirão das Neves 
Última atualização: 13/07/2020

 

bg contorno