All for Joomla All for Webmasters

Moradores da Ocupação Tomás Balduíno marcham até a Prefeitura temendo possibilidade de despejo

Moradores da Ocupação Tomás Balduíno, marcharam, na manhã desta segunda-feira (1), de Areias até a Prefeitura de Ribeirão das Neves para exigir uma posição da administração municipal sobre o conflito fundiário que aflinge as 300 famílias da comunidade.

Segundo os moradores, os autores da ação de reintegração de posse se recusam, de forma injustificada, a realizar um acordo. A intenção, segundo eles, é cobrar da Prefeitura um posicionamento que garanta uma solução pacífica e negociada para o caso.

De acordo com o advogado popular Taian Rodrigues, o alegado proprietário da terra deu prosseguimento ao processo de despejo mesmo depois de um acordo entre as partes, junto à Justiça, que fariam diálogo de forma pacífica para encontrar uma solução que atendesse ao interesse de todos.  

O advogado afirmou ainda que, após chegarem na sede da Prefeitura, os moradores foram recebidos pelo secretário de Planejamento, Leonardo Martins, e pelo Procurador-geral do Município, Marcelo da Silva, e saíram de lá com a promessa de envolvimento do Poder Executivo no caso. "A Prefeitura assumiu o comprimisso de manifestar o interesse de resolver a questão pacificamente, encaminhando a regularização fundiária urbana e a demarcação a área como zona especial de interesse social", disse Taian.

A reportagem procurou a Prefeitura de Ribeirão das Neves e aguarda uma manifestação do órgão.

 

0
0
0
s2smodern

Casos em acompanhamento: 8.930

Casos confirmados: 2.085

Casos em presídios: 287

TOTAL DE CASOS: 2.372

Óbitos confirmados p/ Covid-19: 66

Casos curados: 1.593

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de
Ribeirão das Neves 
Última atualização: 03/08/2020

 

bg contorno